Uso do cartão de crédito pode crescer em torno de 20%

0

Mais de 500 milhões de cartões foram emitidos em 2009 (Foto: Arquivo Infonet)

Em 2009, 560 milhões de cartões de crédito foram emitidos, a expectativa das empresas é que o uso do cartão cresça 20% em 2010 e 2011. As classes D e E são as que mais têm aderido ao uso do serviço que hoje representa 36% dessa faixa da população. Segundo o diretor da Associação Brasileira das Empresas de Cartão de Crédito e Serviços (Abecs) e diretor jurídico da Redecard, Marcelo Habice da Mota, é preciso usar o cartão com cautela.

Recentemente as máquinas de cartão de crédito deixaram de ser monopólio de duas empresas e agora os usuários de cartão podem passar cartões de várias bandeiras em uma mesma máquina. De acordo com Marcelo, a novidade já está no ar e

Marclo Habice
as pessoas só precisam entender melhor o que ocorreu.

“Nós tínhamos dois monopólios da indústria de credenciamento de cartão de crédito e este monopólio decorre de um contrato de exclusividade que era mantido entre a bandeira Visa com a empresa Visa Net. Outra bandeira o Mastercard e a Dinners somente passavam em máquinas da empresa Redecard, esse era o panorama que nós tínhamos”, informa.

Marcelo diz que o lojista era obrigado a alugar as máquinas de empresas diferentes para poder utilizar a bandeira que desejava. “Quer dizer, o lojista tinha no mínimo duas máquinas. Além disso, ele era obrigado a ter máquinas de outras bandeiras como era o caso do Hipercard, da American Express. Cada bandeira tinha o seu modo específico de fazer com que as transações ocorressem”, fala.

Em razão de uma atuação de órgãos reguladores brasileiros, esse monopólio num determinado momento acabou sendo questionado, o CADE ameaçou intervir na situação e por conta disso houve uma antecipação dos lojistas e das empresas envolvidas para que isso fosse desfeito.

Segundo o diretor da Abecs, agora cada bandeira de cartão de crédito fica livre para negociar com mais de uma empresa e poder operar em qualquer máquina. “Um coisa importante a se destacar é o aparecimento de bandeiras grandes brasileiras”, afirma.

Cartão X Cheque

No ano passado, seis bilhões de pagamentos em transações com cartão foram realizados, enquanto foram feitas em torno de um bilhão de transações com cheque. Desde 2000 houve um aumento médio de 21% nas transações com cartão por ano, enquanto nesse mesmo período houve uma diminuição de 8% em operações com o cheque.

Alerta

Marcelo Habice da Mota, disse que é preciso utilizar o cartão com cautela, pois o juros por inadimplência é muito alto. “O cartão de crédito é como um charuto de bêbado, se você não souber usar você se queima. Com dados de 2009, 24% das operações com cartão rotativo não foram pagas (em até 90 dias), já a inadimplência das operações totais ficou em 8%”, diz.

Para orientar o consumir a utilizar o cartão com cautela, Marcelo contou que a Associação Brasileira das Empresas de Cartão de Crédito e Serviços (Abecs) elaborou uma página que ensina como não se endividar. Mais informações no endereço

Por Bruno Antunes

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais