Vaga para o Natal gera esperança para muitos sergipanos

0

Adriano diz que o quadro de funcionário já está ampliado (Foto: Portal Infonet)

O comércio sergipano já vive o período natalino. Assim como em todos os anos, os empresários iniciam a seleção para a contratação das vagas temporárias para atender as necessidades do comércio por conta da demanda gerada pelo aquecimento das vendas.

Pensando nisso, muitas pessoas consideram o momento uma excelente oportunidade de buscar um emprego temporário, ingressar no mercado de trabalho ou receber uma grana extra no final do mês. No centro da cidade, o período de contratação já teve início desde o final do mês de outubro e segundo os empresários, a procura foi maior do que a esperada. Em uma das lojas de calçados do centro da cidade, o número de entrega de currículo chegou a mil.

De acordo com o subgerente de uma das lojas do centro comercial, Nilton Adriano dos Santos, os vendedores que chegarem à loja já vão se deparar com um quadro de funcionários ampliado. “De todos os currículos enviados, selecionamos alguns e já realizamos a contratação de cerca de 20 novos atendentes para suprir a demanda nesse período. Por conta da proximidade do período natalino, o momento agora é avaliar o desempenho dos novos contratados para ver quem vai se sair bem e pode se tornar um funcionário efetivo da loja”, garante Nilton.

Leide Daiane acredita que será efetivada

Ex-desempregada há quatro meses, a jovem Leide Daianne Nascimento, 25 anos, viu na vaga um momento de oportunidade para voltar ao mercado de trabalho. “Essa é a segunda vez que trabalho como vendedora. Escolhi entregar o currículo porque gosto de trabalhar com pessoas e espero corresponder à expectativa que tenho pela frente. Acredito que vou ser efetiva e atingir a meta dos meus contratantes”, diz.

Dicas

Nilton Adriano informa ainda que para se destacar no cargo e se tornar efetivo, basta que o candidato seja atencioso com o cliente. “Além de tentar vender bem, o atendimento ao cliente é fundamental, porque ele é o melhor amigo do vendedor”, informa.

Além disso, especialistas acrescentam que a pessoa que esteja interessada deve se mostrar disponível para a empresa, ser comunicativa (o) e de fácil convivência.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais