Vale inaugura rebocador construído em Aracaju

0

A Vale realiza nesta quarta-feira, 22, a cerimônia de batismo do rebocador Urucum, uma das 51 embarcações encomendadas pela empresa a estaleiros brasileiros, para garantir segurança e competitividade na ampliação de suas operações portuárias e marítimas. Construído no Estaleiro Santa Cruz, em Aracaju, o rebocador recebeu investimentos de mais de R$ 9,5 milhões. O evento ocorre na Base Naval de Belém (PA).

A embarcação faz parte da frota que apoia as operações do Porto de Vila do Conde, em Barcarena (PA), e está entre as mais modernas e eficientes do Brasil. Com 45 toneladas de tração estática, o rebocador vai aumentar a produtividade do porto, além de proporcionar mais segurança às manobras de atracação e desatracação dos navios.

As encomendas da Vale a estaleiros nacionais totalizam investimentos de R$ 403,9 milhões e contribuem para o aquecimento da indústria naval brasileira, com a geração de 2.465 empregos diretos e indiretos. Além do Urucum, do Brucutu, do Itabira (os dois entregues no mês de agosto) e do Sossego (a primeira embarcação a ser entregue ano passado), estão sendo construídos outros 11 rebocadores, dois comboios fluviais – formados por 32 barcaças e dois empurradores – e dois catamarãs para transporte de passageiros, totalizando 51 embarcações.

Os 15 rebocadores dessa frota vão operar no Porto de Vila do Conde e em Porto Trombetas (PA), no Complexo de Tubarão (ES), no Terminal Marítimo de Ponta da Madeira (MA) e no Terminal da Ilha Guaíba – TIG (RJ). Os catamarãs, por sua vez, farão o transporte de empregados da Vale que trabalham no Terminal da Ilha Guaíba (TIG). Já os comboios fluviais atenderão à Mina de Urucum, em Corumbá (MS).

Além destas embarcações, a Log-In Logística Intermodal, empresa coligada da Vale, está construindo sete novos navios, sendo cinco porta-contêineres e dois navios para transporte de bauxita. Essas encomendas foram feitas ao Estaleiro Ilha S/A – EISA, localizado na Ilha do Governador (RJ) e somam R$ 700 milhões.

Dos 15 novos rebocadores, 11 estão sendo construídos no estaleiro Detroit, em Itajaí (SC), e os outros quatro, no estaleiro Santa Cruz, em Aracaju. Quando estiverem prontos, a Vale passará a contar com 29 rebocadores. Somente com a construção dessas embarcações serão gerados 1.530 novos empregos, entre diretos e indiretos.

Os dois comboios estão sendo construídos no estaleiro Rio-Maguari (PA) e os dois catamarãs estão em construção no estaleiro Arpoador, em Angra dos Reis. As encomendas deverão ser entregues em 2010 e 2011. A construção dos comboios e catamarãs vai gerar 695 empregos diretos e outros 140 empregos indiretos.

Fonte: Ascom/Vale

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais