Vendas de Páscoa já superam expectativa

0

Expectativa de vendas do setor é de um aumento de 10,6% nas vendas (Fotos: Arquivo Infonet)
Nos supermercados, os ovos de chocolate dão o clima de Páscoa, acompanhados dos tradicionais itens mais consumidos durante a Quaresma, a exemplo dos pescados, azeites e vinhos. Segundo pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras), a expectativa de aumento nas vendas do setor é de 10,6%, em relação ao mesmo período do ano passado.

Devido à alta no preço do açúcar, o chocolate apresentou um aumento médio de preço de 6%. O gerente de Mercearia do GBarbosa, Samir de Araújo, confirmou esse índice, e revelou que a rede reduziu a margem de lucro para repassar um aumento máximo de 4%. “Isso foi feito para garantir que o repasse para o consumidor seja o menor possível”, comentou. Segundo ele, as vendas de Páscoa estão acima das expectativas, apresentando um crescimento de 30%, quase o triplo da expectativa da Abras.

Segmento de filés de peixes deve crescer 30%
Ainda de acordo com o gerente, os tamanhos mais vendidos estão entre 200g e 350g. A maior procura é pelos infantis com brindes e estampas de personagens consagrados, como Ben10, Moranguinho, Barbie, Hot Wheels, Hello Kitty, Homen Aranha, dentre outros. “Além dos ovos, os clientes podem encontrar outros itens de chocolate, como coelhos, bombons e barras. Além das colombas pascais, industrializadas ou de fabricação própria”, contou. 

Importados

Com a baixa do dólar, alguns produtos importados estão mais baratos. O bacalhau, por exemplo, apresenta uma diminuição de preço de 15% em relação ao ano passado. Márcio Santana, gerente de perecíveis da rede, informou que o bacalhau importado da Noruega pelo GBarbosa está com um valor mais acessível. “O preço está inferior a 2010 e estamos crescendo em volume de vendas mais que 50%. Além da baixa do preço, acreditamos que o aumento do poder aquisitivo da população está estimulando o consumo do bacalhau”, afirmou.

Para este ano, o GBarbosa apostou também no segmento de filés de peixe e já tem um crescimento de cerca de 30% desses itens. Além do pescado, produtos como vinhos e azeites também podem ser encontrados sem aumento. Com isso, os clientes podem antecipar as compras para as duas primeiras semanas de abril. Quanto maior a antecedência, melhor é a oportunidade de realizar uma compra mais assertiva, avaliando preços e encontrando uma maior variedade de produtos e marcas.

Fonte: Ascom

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais