Vigilância Sanitária Estadual é integrada à Redesim

0

Medida visa desburocratizar serviços (Foto: Divulgação)

A Vigilância Sanitária Estadual foi integrada à Redesim/Agiliza Sergipe nessa terça-feira, 13. Na solenidade, realizada durante sessão plenária do Colégio de Vogais na Jucese, o presidente George Trindade e o coordenador estadual de Vigilância Sanitária, Antônio de Pádua Pombo, destacaram a importância do projeto para o desenvolvimento econômico do Estado, já que este é mais um avanço para a agilidade no processo de abertura de empresas em Sergipe.

A Vigilância Sanitária é o primeiro órgão estadual de licenciamento a fazer parte da Redesim em Sergipe, rede que tem o grande objetivo de unificar de forma online todos os órgãos públicos envolvidos na abertura, legalização e baixa de empresas, bem como desburocratizar os procedimentos que englobam o início das atividades de um negócio por meio do Portal de Serviços Agiliza Sergipe (http://www.agiliza.se.gov.br).

“A adesão da Vigilância Estadual à Redesim traz uma série de benefícios para os empresários, os cidadãos, como a eliminação da necessidade de ir à Vigilância para protocolar processo, entregar documentos; expedição imediata do alvará (a depender do grau de risco da atividade econômica da empresa); controle total por parte da Vigilância das empresas abertas no Estado que necessitam de alvará, protegendo ainda mais a saúde da sociedade”, destacou o presidente da Jucese, George Trindade.

Trindade acrescentou também que: ”Desde a implantação do Agiliza Sergipe, estamos conquistando avanços importantes. Para se ter uma idéia, a análise para a abertura de uma empresa em Sergipe girava em torno de 35 horas. Agora, este processo já pode ser concluído em apenas 1h30min. Isso significa um investimento do Governo do Estado, por determinação do próprio governador Jackson Barreto”, acrescentou.

Na próxima terça-feira, (20), a Jucese realizará outra solenidade para integrar a Secretaria Municipal da Fazenda de Aracaju à Redesim/Agiliza Sergipe. A meta da Junta Comercial de Sergipe (Jucese) é que até dezembro do próximo ano, todos os municípios sergipanos estejam integrados à Redesim.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais