Alunos denunciam problemas em escola de regime integral

0
A escola em Glória funciona na modalidade tempo integral e atende a aproximadamente 750 alunos (Foto: Sintese)
Forro do teto cedeu (Foto divulgada por um dos alunos)

Alunos de Nossa Senhora da Glória procuraram a equipe de reportagem do Portal Infonet para denunciar os problemas com a merenda e estrutura do Centro de Excelência Manoel Messias Feitosa. A escola funciona na modalidade tempo integral e atende a aproximadamente 800 estudantes.

Um dos alunos, que preferiu não se identificar, contou que a escola tem diversos problemas estruturais.  Ele diz que as salas não têm tamanho adequado para a quantidade de alunos e possuem problemas com ventilação e iluminação. “São 40 alunos por turma e as salas estão pequenas para a quantidade de alunos. Sem falar que os ventiladores estão quebrados, há portas danificadas e vidros são transparentes, dando passagem a luminosidade, que muitas vezes atrapalha às aulas com uso de slides”, reclama.

Ainda de acordo com o aluno, nessa sexta-feira, 13, o forro de uma das salas desabou, e os alunos tiveram que assistir aulas no pátio. “Esse problema com o forro existe há mais de três anos. Hoje cedo, o professor percebeu que a estrutura estava comprometida e já retirou os alunos. Logo depois, o forro caiu e aulas acabaram sendo realizadas no pátio da escola”, conta.

Outras situações que têm incomodados, segundo os alunos, envolvem a ausência de biblioteca e o fornecimento de merenda escolar. “Desde que houve a reforma, recebemos a promessa de ter uma nova biblioteca, mas não temos nenhuma informação quanto ao início da obra. Os equipamentos da biblioteca estão guardados em uma sala onde antigamente era o refeitório”, explica. “Só temos uma refeição durante a 9h de aula, que é o almoço. Não temos o desjejum e nem lanches”, acrescenta o aluno.

Seed

A Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Educação (Seed) informou que a capacidade das salas, conforme portaria, é de 40 alunos, e que atualmente as turmas têm no máximo 38 pessoas. A Seed explicou também que os ventiladores estão em funcionamento e que o episódio ocorrido nesta sexta-feira, 13, envolveu apenas a queda de uma ripa de PVC. A biblioteca, conforme informações da Seed, está em fase de montagem, faltando apenas a conclusão da catalogação dos livros. A Seed garantiu que merenda escolar foi normalizada e que atualmente os alunos têm acesso a três refeições (incluindo o desjejum e lanches).

Comentários