Enem: SE está entre estados do NE com melhor índice de comparecimento

0
Candidatos confiantes no segundo e último dia da prova, considerado tranquilo (Foto: Maria Odília)

No segundo e último dia de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que ocorreu no domingo, 24, os candidatos estavam otimistas quanto ao desempenho nas áreas de matemática e de ciências da natureza. Em Sergipe, 50.4% dos inscritos compareceram aos locais de prova, ficando no ranking de estados do Nordeste com melhores índices de presença. A média de abstenção ficou em 49.6%. Com isso, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) encerrou a aplicação da versão impressa e se prepara para o Enem Digital, programado para acontecer nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

Na média nacional de presentes girou em torno de 44.7% enquanto que o índice de faltosos pontuou 55.3%. no ranking entre os estados com “melhores” índices de presença, a Paraíba ficou com 52.7%,  Alagoas – 50.9% e dos candidatos inscritos 50.4% compareceram para fazer a prova no Rio Grande do Norte e em Sergipe.

Poucos minutos antes da abertura dos portões, a jovem Nataly Silva, aluna do Colégio Estadual Professor João Costa, unidade que oferta o ensino médio em tempo integral, em Aracaju, ansiava pelo segundo dia de prova para a qual estava preparada. “Apesar das dificuldades impostas pela quarentena, acredito que vou alcançar um bom desempenho. Fiquei um pouco triste porque eu já percebi que a quantidade desse local de prova reduziu bastante, então, por mais que diminua também a concorrência, isso me deixa triste porque as pessoas estão desistindo de um sonho de entrar na universidade”, declarou.

Candidatos que não puderam participar do Enem podem, a partir desta segunda-feira, 25, pedir para participar da reaplicação do Enem na Página do Participante. (Foto: Maria Odília)

A estudante do João Costa está entre os 87.502 candidatos que se inscreveram para fazer o Enem impresso, sendo que desse total, 12.720 são da rede estadual de ensino. A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), assim como no primeiro dia, prestou todo o apoio aos alunos inscritos no exame, disponibilizando uma frota de 270 veículos, entre ônibus, micro-ônibus e vans, para transportar mais de 4.500 alunos distribuídos em quase todos os municípios do estado.

Para além da assistência logística, mensagens de apoio também foram bem-vindas antes da prova. Foi o que fez a coordenadora do Curso Pré-universitário da Seduc, professora Gisele Pádua, que visitou dois locais de prova em Aracaju: a Universidade Tiradentes (Unit), Campus Farolândia, e o Centro de Excelência Atheneu Sergipense, situado no Bairro São José.

Ela explica que durante o período de preparação, os estudantes puderam acompanhar diversos conteúdos por meio de lives, além do material do portal Estude em Casa. “Neste ano atípico a gente conseguiu chegar até esses meninos por meio da internet, da televisão e do rádio, e também com material impresso. Estamos confiantes nessa trajetória que a gente trilhou para oferecer o melhor ao aluno da rede”, disse Gisele Pádua.

A estudante Cristina Marisa Santos, ex-aluna do Centro de Referência de Educação de Jovens e Adultos Prof. Severino Uchôa, de Aracaju, apesar de não estar matriculada na rede, utilizou todo o material didático do Preuni Seduc. Os módulos de ensino de uma amiga serviram para dar um gás em sua preparação. “Estou confiante. No primeiro dia fiquei um pouco nervosa por conta da redação. Hoje, acredito estar mais preparada porque estou tranquila em comparação à semana passada, consegui revisar o conteúdo um dia antes e acho que vou fazer uma boa prova”, destacou ela, antes de acessar o local de prova.

Outro participante do Enem que também utilizou o material disponibilizado pela rede estadual de ensino foi Cledston Magno Silva, que concluiu o ensino médio no Atheneu Sergipense. Ele também aguardava com muita ansiedade o segundo dia de prova. “Exatas é meu forte. Desde o começo do ano que estou me preparando, e quando começaram as lives do Preuni eu estava lá acompanhando, então, de certa forma esse início foi importante para que eu conseguisse pegar os assuntos e revisar o conteúdo durante os dias que antecederam a aplicação da prova”, lembrou

Reaplicação

Candidatos que não puderam participar do Enem por estarem com sintomas de covid-19 ou de outra doença infectocontagiosa e aqueles que não conseguiram fazer as provas por problemas logísticos podem, a partir desta segunda-feira, 25, pedir para participar da reaplicação do Enem na Página do Participante. O sistema ficará aberto até o dia 29 de janeiro. Nas semanas que antecederam cada uma das aplicações, os candidatos puderam enviar exames e laudos médicos ao Inep. Aqueles que ainda não o fizeram poderão, agora, acessar o sistema online. As provas da reaplicação serão nos dias 23 e 24 de fevereiro.

Fonte: Ascom/Seduc

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais