Ensino EAD será pauta de audiência pública

0
Qualidade da Educação a Distância será debatido (Foto: Pixabay)

Segundo o Ministério da Educação (MEC), os polos de ensino EAD somavam 15.394 unidades no final do primeiro semestre de 2018. O número representa um crescimento de 133% em relação a 2017. Diante da importância desse assunto, a Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado Federal, aprovou o requerimento para realização de uma audiência pública para tratar sobre a qualidade da Educação a Distância.

A data da audiência ainda não foi definida, mas o ponto principal será a proliferação dos polos de apoio e da fiscalização dos cursos não presenciais. Segundo a autora da proposição, a senadora Ana Amélia (PP-RS), o ensino a distância é um mecanismo importante e relevante, desde que aplicado adequadamente. “Isso também está concorrendo com as instituições de ensino presencial e pode comprometer o futuro, que já é de risco, da educação superior, bem como do ensino médio”, sinaliza.

A Educação a Distância é a modalidade de ensino que mais cresce no Brasil. O aumento de ingressantes na graduação foi impulsionado pelos cursos EAD, que variou positivamente em 27,3% entre 2016 e 2017. Considerando a última década, o número de ingressantes passou de 329.271, em 2007, para 1.073.497, em 2017, o que representa uma variação positiva de 226%. Os dados são da última edição do Censo da Educação Superior.

Graduação EAD

Se você tem interesse em cursar uma faculdade EAD, conte com a ajuda do Educa Mais Brasil. O programa oferta até 70% de desconto na mensalidade, em diversas regiões do país. Somada as oportunidades para as modalidade EAD e presencial, são mais de 400 mil bolsas de estudo para o ingresso no primeiro semestre de 2019. Não perca tempo! Acesso o site do Educa Mais Brasil e confira todas as oportunidades disponíveis na sua região.

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais