Escolas têm até dia 31 para declarar informações do Censo Escolar

Essa etapa do Censo Escolar tem foco nas informações sobre escolas, gestores, turmas, alunos e profissionais escolares em sala de aula (Foto: Divulgação Seduc)

Todas as escolas brasileiras, públicas e privadas, da educação básica e da educação profissional têm até a próxima quarta-feira, 31, para declarar informações do Censo Escolar 2019.

O registro deverá ser feito exclusivamente pela internet, no Sistema Educacenso, e as instituições de ensino deverão informar os dados da matrícula inicial. Essa etapa do Censo Escolar tem foco nas informações sobre escolas, gestores, turmas, alunos e profissionais escolares em sala de aula.

Em Sergipe, o Censo Escolar 2019 é coordenado pela Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), por meio do Serviço de Informações e Estatística da Seduc (Sines), que durante o mês de junho promoveu oficinas sobre o uso da plataforma Educacenso para técnicos de escolas municipais, privadas e para as unidades de ensino mantidas pelo Estado. O Educacenso é o sistema informatizado de levantamento de dados do Censo Escolar.

De acordo com a coordenadora estadual do Censo Escolar, professora Jucileide Aragão, ainda faltam poucas escolas para declarar as informações. “Na rede estadual, já estamos com 98,5 por cento dos dados dos alunos inseridos no sistema. Já em todo o estado de Sergipe, em todas as redes de ensino, 89 por cento já estão preenchidos”, declarou.

O Censo Escolar é dividido em duas etapas. Na primeira, de 29 de maio a 31 de julho, é feita a coleta de dados sobre os alunos, professores e gestores escolares. Já a segunda etapa será realizada de 3 de fevereiro a 11 de maio de 2020, período em que serão coletadas informações sobre a situação dos alunos referentes à aprovação, reprovação e outras informações.

Educacenso

O Educacenso é uma radiografia detalhada do sistema educacional brasileiro. A ferramenta permite obter dados individualizados de cada estudante, professor, turma e escola do país, tanto das redes públicas (federal, estaduais e municipais) quanto da rede privada. Todo o levantamento é feito pela internet.

A partir dos dados do Educacenso, é calculado o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) e planejada a distribuição de recursos para alimentação, transporte escolar e livros didáticos, entre outros.

Fonte: Seduc

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais