UFS: estudantes fecham campus de São Cristóvão contra corte de verbas

0
Estudantes bloquearam os dois acessos ao campus de São Cristóvão (Foto: Portal Infonet)

Os estudantes da Universidade Federal de Sergipe (UFS) fecharam as duas entradas que dão acesso ao campus de São Cristóvão. Os alunos protestam contra o corte de verbas para educação anunciado pelo Governo Federal e contra a precarização das Universidades Públicas.

“ Hoje nós fechamos a UFS para conscientizar os estudantes e chamar atenção da sociedade para os ataques que as universidades públicas vêm sofrendo. Se os recursos forem cortados mesmo, como foi anunciado, a UFS só tem condições de funcionar até setembro. E depois, como vai ser?”, questiona Mariana Santos, presidente da Diretoria Acadêmica Livre de Geografia da UFS.

Mariana diz que a luta dos estudantes é por uma universidade pública de qualidade para todos (Foto: Portal Infonet)

A jovem lembra que a UFS já está precarizada, inclusive, o Restaurante Universitário (Resun) está sem funcionar. “ Muitos estudantes estão passando por dificuldades porque dependem do Resun para se alimentar e a Universidade sequer tem previsão de quando ele será reaberto”, aponta.

Ainda segundo Mariana, a luta dos estudantes é por uma Universidade pública de qualidade para todos. Os alunos também irão participar do ato que acontecerá hoje a tarde, às 15h, na Praça General Valadão.

Por Karla Pinheiro

 

Comentários