Professores de Salgado ocupam prefeitura em favor do reajuste salarial

0

Os professores da rede municipal de ensino do município de Salgado, distante 53 quilômetros da capital, Aracaju, ocupam a frente da prefeitura da cidade, desde às 8h desta terça-feira, 23, para que possam ser recebidos pela prefeita do município, Janete Barbosa,  afim de que as reivindicações da categoria possam ser debatidas.

A categoria está de braços cruzados desde o dia 1º de agosto em protesto pela não implantação do Piso Nacional do Magistério, estimado no valor de R$ 1.187,00 reais. Para o coordenador da região centro-sul, do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica (Sintese), Estefani Lindemberg, a decisão de ocupar a prefeitura foi aceita pela categoria em assembleia realizada na última sexta-feira, 19, em reivindicação ao descumprimento do piso.

“Hoje estamos com quase 100% de adesão dos professores que reivindicam um reajuste salarial no valor de R$ 1.187 reais, sendo que os professores do município recebem apenas R$ 640,00 em vencimento de carreira. Já estamos na quarta semana de paralisação das aulas e até o momento não existe um posicionamento da prefeitura para que nos receba e discuta as nossas reivindicações”, desabafa o professor Lindemberg.

Denúncia

Além do não cumprimento à Lei do Piso do Magistério, o professor Estefani Lindemberg, denuncia que existe um ‘superfaturamento’ na aquisição dos produtos que compõem a merenda escolar. “Encontramos diversas irregularidades a exemplo da estrutura da rede de ensino e principalmente na compra da merenda. Enquanto no mercado a carne bovina de primeira é comercializada a R$ 13,00 o quilograma, a prefeitura está comprando por R$ 19,80, a mesma quantidade", garante o professor.

Vigília

Caso a categoria não seja recebida pela Prefeitura Municipal da cidade até o final da tarde de hoje, 23, os professores prometem adentrar na prefeitura e realizar uma vigília até que as reivindicações sejam discutidas.

A equipe do Portal Infonet entrou em contato com a Secretária Municipal de Educação de Salgado, Ivete Oliveira, e a informação passada foi que ela estaria em uma reunião com representantes do município para debater sobre a situação.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais