UFS encerra vestibular aplicando a prova de redação

0
Candidatos deixam os locais de provas ansioso (Foto: Arquivo Infonet)

A prova de redação, com a temática “A base do desenvolvimento de uma sociedade está no exercício da ética e dos valores morais”, encerrou, nesta quarta-feira, 30, o concurso vestibular da Universidade Federal de Sergipe (UFS). A Fundação Carlos Chagas já iniciou a correção das provas objetivas, mas a redação só será corrigida a partir da próxima semana, segundo informou o professor Manoel Leite Torres, da Coordenadoria do Concurso Vestibular da UFS.

Para reduzir a subjetividade que gira em torno da prova de redação, a Coordenadoria do Concurso Vestibular da UFS adotou mecanismo diferenciado de forma que os candidatos concorrentes terão as provas corrigidas pelo mesmo professor, evitando interpretações diferenciadas do texto. “É um método que dá mais trabalho, mas teremos maior segurança”, justifica o professor Manoel Torres.

Para tanto, a Universidade envolveu um exército de 23 professores. “Sempre convidamos professores que atuam em outros Estados, mas a maioria é dos quadros da própria UFS”, diz o coordenador do concurso vestibular. “No entanto, neste ano, não temos certeza que virão professores de outras instituições”, revela o professor.

O índice de ausência está avaliado em torno de 12% dos 29.334 candidatos que disputam as 5.490 vagas nas 106 opções de cursos ofertados pela instituição de ensino superior no Estado. Um percentual, segundo o coordenador do concurso vestibular, maior que os 10% de ausência registrados no ano passado. “Acredita-se que este crescimento tenha ocorrido pela coincidência de datas em concursos realizados por instituições federais de outros Estados”, justifica o professor, destacando que o curso de Medicina é o que apresenta maior número de candidatos de fora do Estado de Sergipe.

O coordenador do concurso vestibular observa que a Universidade não detectou problemas durante todo o período em que as provas foram aplicadas, apesar de apresentar um número recorde de inscritos. “Foi o maior vestibular da história tanto em número de participantes quanto em vagas e em opções de cursos ofertadas e foi um vestibular tranquilo”, assegura Manoel Torres.

A data da divulgação do resultado final ainda não está definida, mas deve acontecer, segundo o professor Manoel Torres, até o final do mês de dezembro. Na próxima semana, a UFS deve divulgar a pré-classificação.

Por Cássia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais