UFS realiza 12º Imposto de Renda Solidário de 17 a 20 de maio

0
Coordenador da ação, Emerson Goes é professor de Ciências Contábeis (Foto: Arquivo pessoal/UFS)

A Universidade Federal de Sergipe (UFS), por meio do Departamento de Ciências Contábeis (DCC) e do Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal (NAF), vai promover, de 17 a 20 de maio, a 12º edição do Imposto de Renda Solidário. Em decorrência da pandemia da covid-19, o projeto de extensão, que ajuda a população a declarar o tributo, será realizado através de plataformas digitais.

Diante do foco da atividade, serão atendidos os contribuintes com rendimento tributável anual de até 50 mil reais. Também será aceita a declaração do indivíduo que, mesmo sem ultrapassar uma renda por ano de R$ 28.559, 70, teve retenção na fonte. Nesse caso, a prestação de contas à Receita Federal é facultativa e pode ser utilizada para comprovação de rendimentos a instituições, como bancos. (Veja os critérios de obrigatoriedade no final da matéria).

Para acessar o serviço, é preciso solicitar atendimento a partir do envio do nome completo e telefone para o perfil no Instagram @nafufs ou para o Whatsapp ( (79) 99628-0615 ou 99981-3891), nos horários das 9h às 12h e das 14h às 17h.

O objetivo principal, segundo a organização do projeto, é proporcionar “a vivência profissional e um olhar diferenciado e humanizado no social” mediante aplicação dos conhecimentos e das habilidades adquiridas no curso.

“A grande importância é ter a certeza que nós estaremos ajudando as pessoas de baixa renda, as pessoas que mais precisam na elaboração da declaração de Imposto de Renda. E o mais importante é que esses contribuintes vão ter a certeza de que as suas declarações estarão sendo realizadas de forma correta, impedindo futuros transtornos com a malha fina”, destaca o coordenador do projeto e professor do DCC, Emerson Goes.

A novidade desta edição, segundo Goes, é o uso do Whatsapp para atendimento. “Isso quer dizer que o contribuinte vai poder tirar todas as suas dúvidas pelo seu ‘zap’, como também vai passar a documentação para os alunos, que estarão realizando toda a parte operacional, e nós, professores, estaremos ao lado para verificar o andamento da situação”, diz.

O professor ainda afirma que o projeto está atento a mudanças na legislação sobre o assunto e, por isso, o interessado deve ficar tranquilo quanto à segurança do serviço. “Aquele contribuinte que for procurar o nosso projeto pode ter a certeza que estará sendo realizado de uma forma correta e transparente e em cima da legislação atual do Imposto de Renda”, ressalta.

O prazo para declaração do Imposto de Renda termina no dia 31 de maio. Segundo o NAF-UFS, deve declarar quem:

  • Recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70;
  • Teve rendimento isento, não tributável ou tributado exclusivamente na fonte, acima de R$ 40 mil ;
  • Tinha em 31/12/2020 bens e direitos acima de R$ 300 mil;
  • Teve lucro ao vender bens sujeitos à incidência do IR;
  • Realizou operações na Bolsa de Valores;
  • Teve receita bruta com atividade rural de mais de R$ 142.798,50;
  • Passou a morar no Brasil e aqui estava em 31/12/2020;
  • Recebeu auxílio emergencial e teve renda tributável superior a R$ 22.847,76 no ano;
  • Optou pela isenção do IR sobre o ganho de capital na venda de imóvel residencial cujo valor foi aplicado na compra de outra residência no país, no prazo de 180 dias da venda.

Fonte: UFS/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais