Alex Olinda treina fisicamente no Sergipe

0

Alex Olinda, recém contratado do Sergipe, começou a treinar fisicamente na manhã de ontem, na praia de Atalaia, sob o comando do professor Claudemir Menezes. À tarde, ele participou de um treino técnico e tático sob a orientação do técnico José Carlos Amaral.

O atacante, que foi um dos destaques do Lagartense no Campeonato Estadual, não deve reestréia no Sergipe, no dia três de julho, no Batistão, contra o Riachuelo, pela Copa João Alves Filho. É que Alex Olinda está fora de forma. O artilheiro precisa fazer trabalhos específicos com Claudemir Menezes para estar à disposição do treinador José Carlos Amaral.

Segundo Alex Olinda, é um prazer retornar ao bairro Siqueira Campos, onde fez várias amizades. “Estou feliz em poder vestir novamente a camisa do Sergipe. Gostaria de agradecer a diretoria pela confiança em mim. Espero fazer o melhor para marcar os gols e as vitórias que o time necessita”, disse ele, acrescentando que o principal objetivo é se tornar artilheiro, mas isso vai depender dos companheiros e do grupo, pois atacante vive é de gols.

Daniel foi liberado pelo departamento médico. O meio-campista voltou aos treinos físicos, na tarde de ontem, no Estádio João Hora. Treino com bola só daqui alguns dias. Ele estava parado há mais de 60 dias por causa de uma torção no tornozelo esquerdo.

Confiança – O presidente Milton Dantas reclamou que não vem recebendo o apoio de alguns conselheiros, mas mesmo assim, vai procurar fazer uma política salarial com os pés no chão.  Segundo ele, a partir de agora o teto máximo será no valor de R$ 800,00. “Os jogadores terão um salário que nós possamos pagar”, disse Milton Dantas, ressaltando que o goleiro Fábio, que recebe mais do que o teto, o salário dele será bancado por empresários que torcem pelo clube.

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais