Alojamento da equipe do Socorrense é arrombado

0

(Foto: Arquivo Portal Infonet)

Após comemorar a vitória frente a equipe do Sergipe na Copa Governo do Estado, jogadores e diretoria do Socorrense levaram um susto ao chegar no alojamento dos jogadores.

Bandidos realizaram um verdadeiro arrastão levando roupas, celulares e dinheiro dos jogadores. O presidente do Socorrense, Dalmo Prata, cobrou uma posição da Secretaria da Segurança Pública e disse que é inadmissível que o fato aconteça a poucos metros de um Batalhão de Polícia.

“Os jogadores já foram prestar um Boletim de Ocorrência (BO), mas vamos conversar com a polícia para que coloquem mais segurança. Não sei nem o que fazer porque o time já não tem recursos e ainda acontece um prejuízo como esse”, desabafou Dalmo.

PM

Na manhã desta segunda-feira, 2, o comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar, tenente coronel Henrique Rocha, entrou em contato com a redação do Portal Infonet para esclarecer que não compete a PM tomar conta de alojamento de campo de futebol. “A Polícia Militar tem competência na preservação da ordem pública e não em tomar conta de alojamento. O policiamento do jogo foi feito com a colaboração do Choque e sem registro de violência por parte dos torcedores. Existiam mais de 400 pessoas no campo com acesso livre ao alojamento”, ressalta.  O comandante diz ainda que permanece a disposição do clube para conversar sobre a segurança durante os jogos.

* A matéria foi alterada ás 10h23 do dia 02/07/2012

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais