Árbitro sergipano desmente punição

0

 

Antonio Hora no centro
O arbitro sergipano, Antonio Hora, não foi punido pela Comissão Nacional de Arbitragem, conforme divulgado por alguns órgãos de comunicação do Rio de Janeiro e Minas Gerais. Os dirigentes do Atlético Mineiro culparam Hora pela derrota sofrida para o Goiás por 1 a 0, no último sábado, no Estádio Serra Dourada. Eles reclamam de uma penalidade não marcada em favor da equipe mineira e que o gol sofrido foi convertido um minuto além dos acréscimos.

 Segundo Hora, na tarde de ontem, manteve contato com a Secretaria Comissão Nacional de Arbitragem, onde foi informado de que não havia nenhuma pena imposta pelo presidente Armando Marques. “Estava convicto de que esse fato não caberia punição a após fazer contato com a comissão, na tarde de ontem por volta das 13 horas, fiquei mais tranqüilo”, disse o arbitro sergipano, ressaltando que o presidente Armando Marques toda vez que pune um arbitro, manda um fax para a federação de origem para comunicar a pena.

Sobre o pênalti reclamado pelos dirigentes do Atlético Mineiro, o arbitro sergipano contou que o lateral Rubens Cardoso entra na área e é seguido por perto pelo lateral do Goiás. Na disputa do lance, Rubens Cardoso puxa o adversário pelo pescoço e os dois caem na área. “ Deixei o lance seguir porque o Goiás levou vantagem se tivesse que marcar seria a falta do lateral do Atlético no lateral do Goiás.

Opinião – o ex-arbitro Sidrack Marinho assistiu os melhores momentos da partida e ressaltou que não houve pênalti no lateral-esquerdo Rubens Cardoso do Atlético Mineiro e que Antonio Hora agiu corretamente em dar prosseguimento no lance. “Rubens é lançado pelo lado esquerdo de ataque, entra na área. O zagueiro do Goiás vem para o combate. O lateral quando dá mais um toque na bola se desequilibra e usa o braço direito no ombro do zagueiro”, disse Sidrack, ressaltando que se Hora tivesse que marcar teria sido falta de Rubens Cardoso e não pênalti como queria os jogadores e dirigentes do Atlético Mineiro.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais