Atlético-MG protesta contra arbitragem

0

BELO HORIZONTE – A atuação do árbitro Juliano Lopes Lobato, na derrota de 3 x 2 para o Valeriodoce, na estréia no Campeonato Mineiro, não revoltou apenas os jogadores e membros da comissão técnica do Atlético-MG. O presidente do clube, Ricardo Guimarães, fez duras críticas não só à Comissão de Arbitragem, como também à Federação.
De acordo com o dirigente, o presidente da FMF, Paulo Schettino, vem sendo conivente com os constantes erros que prejudicam o Galo desde a temporada passada. Ricardo Guimarães ainda informou que quer o afastamento de Juliano Lopes do quadro e manifestou o desejo de que árbitros de outros estados apitassem o Estadual.

“A arbitragem aqui em Minas tem se mostrado tendenciosa e viciada. Perdemos o título do ano passado por causa disso. Demos um voto de confiança ao Paulo Schettino (presidente da Federação Mineira de Futebol) e ele não nos atendeu, mantendo o Lincoln Bicalho à frente da comissão de arbitragem”, reclamou Ricardo Guimarães.

“Vamos acatar o regulamento, mas de agora em diante estamos sob protesto. Gostaríamos que viessem árbitros de fora para apitar nossos jogos,pois começamos mais um ano sendo prejudicados, embora a equipe também não tenha apresentado um bom futebol”, reconheceu o presidente do Atlético-MG.


 
 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais