Catarinense viaja pelo país de bicicleta

0

Aos 50 anos, o catarinense Janilton Ferreira, já visitou 22 capitais e 300 cidades brasileiras, sem contar com o Uruguai, Argentina e Paraguai, em uma bicicleta. Aposentado por invalidez, o ciclista Sul-americano é natural de Itajaí, em Santa Catarina. No começo, era apenas um hobbie juntamente com o amigo Nivaldo dos Santos, mas agora, faz uma análise quanto à situação das rodovias brasileiras. O estudo será levado ao Ministério dos Transportes ao final da volta ao Brasil.  Ele chegou a Aracaju na última quarta-feira, acompanhado da esposa e fez uma visita à redação do Correio de Sergipe. Hoje, o casal segue para o Estado de Alagoas.

De acordo com o ciclista, a previsão é de retornar à Itajaí, em junho deste ano.  “Saindo este sábado da capital sergipana, seguiremos para Alagoas e de lá, iremos para Fortaleza, no Ceará”, ressalta acrescentando que já rodou 32 mil quilômetros em sua bicicleta.  Nas cidades por onde passou, aproveitou para tirar fotos com artistas, jogadores de futebol e autoridades, sem esquecer o encontro com o presidente Luis Inácio Lula da Silva, em Brasília.

Nas cidades por onde passa, busca ajuda financeira principalmente para o pagamento de hotéis e para a alimentação.  “Aqui em Aracaju estou encontrando uma certa dificuldade para pagar o hotel.  Solicitei um auxílio da Prefeitura e estou aguardando a resposta.  Quase não ficamos em albergues porque tememos assaltos”, enfatiza.  Quanto à situação das rodovias brasileiras o ciclista afirmou que um dos locais mais danificados pode ser presenciado na

divisa da Bahia com o Espírito Santo, cujo acostamento quase não existe, tendo sido encoberto por um matagal.

 

 

 

 

 

 

 
 
 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais