Club Sportivo Sergipe comemora aniversário de fundação

0
Missa marcou comemoração (Foto: Ascom Sergipe)

O Club Sportivo Sergipe comemorou os 103 anos de fundação nesta quarta-feira, 17, pela manhã, com uma missa realizada no pavilhão do Estádio João Hora, e apresentou aos torcedores parte do plano estratégico do clube para a temporada 2013. Na ocasião foi anunciada, além da criação de uma comissão que cuidará do futebol do clube, os planos para valorizar o público feminino, e a clínica para seleção de jogadores para a base.

No final da missa, o presidente do Sergipe, advogado Genisson Silva, fez um agradecimentos a todas as pessoas que contribuíram no passado e atual momento para o crescimento do clube. Na sequência, apresentou parte do planejamento estratégico do clube, que conta com a criação da comissão do futebol, comandado pelo novo diretor de futebol, Joaquim Feitosa, e com o auxílio de Carlson da Silva, Eraldo Almeida, Ricley e Geraldo Carmo (presidente do Laranjeiras Esporte Clube).

Outro destaque importante foi o plano para valorizar o público feminino. Para isso, definiu-se que as mulheres terão promoções durante os jogos, e o cargo de vice-presidente será ocupado por uma mulher. Quatro nomes estão na lista da diretoria para ser avaliados. Dentro deste item, foi anunciada a criação do futebol feminino do Sergipe para disputar a Copa Brasil em 2013. O presidente adiantou ainda que durante os jogos do Sergipe todos os gandulas serão mulheres. E para o 'Natal vermelho e branco', Genisson Silva irá convidar a gandula do Maracanã, torcedora do Botafogo, Fernanda Maia, que virou símbolo de gandulas no país, depois do episódio entre a Estrela Solitária e o Vasco da Gama.

O presidente do Sergipe explicou ainda que em novembro, o Club Sportivo Sergipe estará promovendo uma clínica de seleção de garotos, durante quatro sábados, para ocupar todas as categorias de base do clube. Toda essa logística será comandada por uma equipe formada por Chicão, Ribeiro Neto, Mercílio e Rubens.

Missa

O Padre Peixoto celebrou a missa de Ação de graças pelos 103 anos do clube e com uma mensagem didática apresentou quatro ideias que podem trazer benefícios para o cidadão e também melhorar a gestão do clube: cuidado, cultivo, perdão e ter mais amor. Esses quatro pontos foram abordados com detalhes pelo padre Peixoto, que vestiu roupas nas cores vermelha, branco e dourado.

“Fomos abençoados com a presença de Nossa Senhora Aparecida e tivemos uma benção maravilhosa do Padre Peixoto, esse padre amado, que também é do Mais Querido, e que veio à caráter com uma batina vermelha, branco e dourado, que representa as estrelas do hexa, a voz linda de Everton Barbosa (filho do Ramon  Barbosa, ex-diretor de futebol do clube), e a presença de todos”, declarou o presidente Genisson.

A solenidade contou ainda com a presença do presidente da Federação Sergipana de Futebol (FSF), Carivaldo Souza; com o presidente do Conselho Deliberativo, Ary Resende; com o vice-presidente do Conselho, Eraldo Almeida; o superintende Sidrack Marinho; o ex-jogador do Sergipe, Chicão; funcionários e torcedores do clube.

Fonte: Ascom Sergipe

Comentários