COB indica Aracaju como sede dos Jogos da Juventude em 2022

0
O anúncio foi feito pessoalmente pelo presidente do COB, Paulo Wanderley Teixeira (Foto: ASN)

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) anunciou a cidade de Aracaju como sede dos Jogos da Juventude de 2022. O anúncio foi feito pessoalmente pelo presidente do COB, Paulo Wanderley Teixeira, na última terça-feira, 7, durante a programação de entrega do Prêmio Brasil Olímpico 2021, realizado no Teatro Tobias Barreto, em Aracaju.

Contando com a presença dos melhores atletas do país, a notícia deixou o público presente eufórico, com a possibilidade de a cidade de Aracaju receber o maior evento esportivo escolar do Brasil, competição que reúne em média mais de 5 mil pessoas, entre atletas, técnicos, dirigentes e oficiais. A última edição dos JEVs, aconteceu em novembro de 2019, em Blumenau (SC).

Ele revelou as cidades-sede dos Jogos da Juventude nos dois próximos anos. Aracaju (SE) receberá o evento em 2022 e Ribeirão Preto (SP), em 2023. Com o avanço da pandemia e a disseminação de novas cepas, o COB cancelou a edição de 2021. A maior competição de base do país para jovens entre 15 e 17 anos de idade, que, ao longo de suas 15 edições, ajudou a revelar grandes atletas e formar cidadãos, voltará a acontecer no ano que vem.

Anualmente, os Jogos da Juventude reúnem mais de 4.500 jovens atletas, de até 17 anos de idade, de escolas públicas e privadas de todo o território nacional. O principal objetivo da competição é oferecer suporte para as modalidades olímpicas, com ações que visam à formação de atletas jovens e profissionais do esporte. Ao todo, 16 modalidades integram o programa dos Jogos da Juventude: atletismo, badminton, basquete, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, ginástica artística feminina, ginástica artística masculina, handebol, judô, natação, tae-kwon-do, tênis de mesa, voleibol, vôlei de praia e wrestling.

“Esse é um momento inédito e histórico para o esporte sergipano. Receber os Jogos da Juventude é o coroamento de um trabalho sério, incansável e com objetivos em prol do desenvolvimento do esporte sergipano. Nosso agradecimento ao COB, que acreditou no nosso trabalho. É a maior competição esportiva do Brasil para idade escolar. Foi uma conquista importante, resultante de muita conversa, muita articulação entre o Governo de Sergipe e o COB. E hoje recebemos essa notícia, em pleno Prêmio Brasil Olímpico. Então, é muito importante para nossa história”, comemorou Mariana Dantas.

Fonte: Seduc

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais