Confiança definido para pegar Riachuelo

0

Confiança e Riachuelo decidem nesta noite, no Batistão, a primeira fase do Campeonato Estadual. No confronto de ida, no Estádio Francisco Leite, as duas equipes empataram em 1 a 1. Quem vencer o confronto, além de ser finalista da competição ainda assegura vaga na Copa do Brasil 2005 e na Série C do Campeonato Brasileiro deste ano. O técnico Jorge Replay realizou coletivo apronto, na última terça-feira, onde definiu os titulares que enfrentam o time rubro-negro. A única alteração é à saída do zagueiro Felipe, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Nei Maruim, que cumpriu suspensão de dois jogos, será o seu substituto. Nas demais posições, ele deve manter a mesma equipe que empatou com o Riachuelo em 1 a 1, no último domingo. Replay disse que respeita o adversário, mas o Dragão partirá em busca da vitória. “Esse jogo é o mais importante do ano, tanto para mim quanto para o clube”, disse o treinador, ressaltando que um resultado positivo deixará a equipe proletária numa situação privilegiada no certame e com a garantia de disputar a Copa do Brasil e a Série C. Felipe disse ficou triste em não estar na decisão, mas mesmo de fora, torcerá por uma vitória dos seus companheiros. “O Confiança é um grupo. O triunfo do time é de todos”, disse o zagueiro, ressaltando que tem certeza de que os jogadores darão tudo de si para conquistar o titulo. Já o lateral-esquerdo Ramon acredita que o time tem amplas condições de vencer o Riachuelo e conquistar o titulo. “ Nós teremos o apoio da nossa torcida, que deve comparecer em massa no Batistão e com essa energia positiva não tenho duvidas de que seremos campeões”, disse o lateral, ressaltando que o jogo será muito difícil porque o adversário tem um bom elenco, mas o Confiança também não fica atrás. Estádio: Batistão Horário: 20h30 Arbitro: Carlos Roberto Dória Confiança: Fábio, Jaedson, Nei, Jorge Luiz, Junior Lagartense e Ramon; Rivelino, Gil e Télio; Dagil e Ariel. Técnico: Jorge Replay. Riachuelo: Rodrigues, Biro, Eri, Alex e Esquerdinha; Didi, Weller, Orlando e Junior Paraíba; André e Nilson. Técnico: Luiz Carlos Bossa Nova.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais