Eleição no Sergipe pode ser em dezembro

0

Ary Resende: Qualquer decisão será aprovada pelo conselho
O presidente do Conselho Deliberativo do Sergipe, professor Ary Resende, marcou uma reunião com os conselheiros, na próxima sexta-feira, à noite, na sede do clube, para discutir uma data para a realização da eleição e dar conhecimento aos conselheiros dos planos da equipe rubra para a temporada 2005.

Ary Resende afirmou que não tem uma opinião formada em relação à antecipação da eleição até porque quem decide são os conselheiros e se eles quiserem que isso aconteça é só aprovarem durante a assembléia.

O presidente do Conselho ressaltou que inicialmente a eleição para a nova diretoria está prevista para o mês de fevereiro. Resende disse que apesar do Sergipe estar em clima de eleição, o ambiente é dos melhores e o que for decidido será o melhor para o clube.

Com relação à política que será desenvolvida na equipe rubra, Ary Resende deixou bem claro que ninguém fará loucuras. Segundo ele, a diretoria tem planos para contratar três reforços: um zagueiro, um atacante e um lateral-esquerdo. Os atletas podem vir de outros estados, no entanto, qualquer que seja contratado terá que se enquadrar à política financeira do clube.

Ary Resende revelou que o Sergipe não dispõe de recursos financeiros, mas isso não aconteça apenas com o time rubro e sim com a grande maioria dos clubes brasileiros. “ Nós não temos dinheiro para fazer grandes contratações, no entanto, a diretoria vai fazer de tudo para montar um elenco digno das tradições do “ Mais Querido”, finalizou Ary Resende.

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais