Fluminense 0 x 1 Paraná – Na cidade do Aço, Flu leva ferro

0

Rio de Janeiro, RJ, 02 (AFI) – O Fluminense decepcionou sua torcida neste sábado, em Volta Redonda, ao perder por 1 a 0 para o Paraná. Com a derrota, o Flu fica com 20 pontos e pode perder algumas posições na classificação e deixar a liderança, que era dividida com a Ponte Preta. Já o Paraná está em nono, com 15 pontos e entra na zona de classificação para a Copa Sul-Americana.

Sem frescura

Os dois times não quiseram saber de muita cerimônia e logo foram para o ataque. Aos 14 minutos, o Paraná quase abriu o placar com Vicente, que acertou a trave em um chute de fora da área. Dois minutos depois, o Flu respondeu com Rodrigo Tiuí, que recebeu livre na área e chutou, para a boa defesa de Flávio.

Mais organizados taticamente, o Flu tinha mais iniciativa, mas pecavam com a falta de pontaria, principalmente com o atacante Leandro.

No segundo tempo, o Fluminense chegou a marcar com Leo Guerra, aos 11 minutos, mas o árbitro Paulo César de Oliveira anulou, alegando impedimento.

Mas o Paraná mostrou que era mortal no contra-ataque e aos 16 minutos, Mário César cruzou da esquerda e o experiente Renaldo, de cabeça, colocou o Tricolor Paranaense na frente.

O Flu foi desesperado para o ataque, mas foi aí que apareceu o goleiro Flávio, que defendeu os chutes de Leo Guerra aos 30 e 42 minutos, para desespero do torcedor Tricolor.

Próximos Jogos

O Flu voltará a campo pela competição no próximo domingo, fazendo o clássico carioca contra o Botafogo, novamente Estádio Raulino de Oliveira, na Cidade do Aço. Já os Paraná recebe o Figueirense, sábado, no Pinheirão.

Ficha Técnica

Fluminense 0 x 1 Paraná

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda-RJ
Árbitro: Paulo César de Oliveira (Fifa-SP)
Cartões amarelos: Léo Guerra, Leandro (Fluminense), João Paulo, Fernando Lombardi, Beto (Paraná)
Gols: Renaldo, aos 16 minutos, do segundo tempo (Paraná_

Fluminense
Kleber, Gabriel, Igor, Zé Carlos e Juan; Marcão, Preto Casagrande (Schneider) , Radamés (Beto) e Juninho (Léo Guerra); Leandro e Rodrigo Tiuí
Técnico: Abel Braga

Paraná
Flávio, Daniel Marques, João Paulo e Fernando Lombardi; Neto, Beto, Rafael Mussamba, Thiago Neves (Mário César) e Vicente; Renaldo (André Dias) e Borges (Maicossuel)
Técnico: Lori Sandri

 

 

(Agência Futebol Interior)

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais