Gol da Sorte tem apoio total de torcedores da capital e interior

0

Lançado no ultimo dia 20 de março, por ocasião do jogo entre Sergipe e Confiança, porém efetivado oficialmente, na sexta rodada do Campeonato Sergipano, no dia 23 de março, a campanha “Gol da Sorte”  caiu nas graças do torcedor e vem atingindo integralmente os seus objetivos. Segundo o auditor fiscal, Antonio Luis, gerente de Comunicação e Marketing da Secretaria de Estado da Fazenda e coordenador da campanha Gol da Sorte, a aceitação tanto na capital, quanto no interior, tem atingido um percentual de 90%, o que significa dizer, que a campanha está alcançando os objetivos propostos, que é principalmente, promover o retorno dos torcedores aos estádios.

A prova da total aceitação da campanha, por parte do torcedor sergipano vem sendo registrada nos jogos realizados no último final de semana. Os estádios Presidente Médici, na cidade de Itabaiana, por ocasião do jogo entre Itabaiana e Confiança e o Paulo Barreto em Lagarto, no jogo Lagartense e Sergipe estavam completamente lotados. Os torcedores fizeram a festa do futebol, comparecendo em massa, para incentivar suas equipes. “Acreditamos que com o desenrolar da campanha e com a chegada do campeonato na sua reta final, a presença de público nos estádios deve ser bem maior, incentivada pelos poderes públicos, com a implantação da campanha Gol da Sorte”, comentou Antonio Luis.

Segundo ainda o coordenador da campanha, os problemas verificados nos primeiros dias da campanha estão aos poucos sendo solucionados. Antonio Luis citou, por exemplo, um desencontro verificado no jogo entre América e Itabaiana, marcado para a cidade de Capela, quando não foram colocados á disposição do torcedor, ingressos na cidade de Propriá. “Houve um equivoco naquele jogo, mas o dirigente do América nos procurou e nós assumimos totalmente a responsabilidade, prometendo ressarcir ao América os cupons daquela partida”, disse Antonio Luis.

Sobre a falta dos sorteios intermediários, como consta no regulamento da campanha, Antonio Luis disse que esse problema começa ser solucionado a partir da próxima rodada. A verdade é que não houve tempo suficiente, para se desenvolver a campanha de lançamento e os entraves burocráticos impediram a aquisição desses brindes. “Mas a SEFAZ e a Federação Sergipana de Futebol estão envidando esforços, para aquisição desses bens e devemos fazer sorteio na próxima   rodada e marcar uma data,. para entrega solene dos brindes sorteados”, disse Antonio Luis.

 

 

 

 

 

 

 
 
 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais