Jogador do Confiança foge do hotel

0

Emerson fugiu do hotel sem dar satisfações
O volante Emerson, recém-contratado pelo Confiança, fugiu do hotel no qual estava hospedado às custas do Dragão por volta das 4h30 de quinta, 5, e a diretoria não sabe do seu paradeiro. Boatos dão conta de que o jogador teria ido para Campina Grande (PB), somar-se à equipe do Campinense, ou para natal (RN) reforçar o plantel do ABC.

Na noite de quarta-feira, 4, a equipe do Portal infonet teve conhecimento de que os torcedores da cidade paraibana já davam como certa a ida de Emerson para o Campinense, que irá disputar a série B do Brasileirão em 2009. Mas a assessoria do clube disse à Infonet que o contrato já estava assinado e tal informação não passava de boato.

Em nota oficial, o presidente do clube, Milton Dantas, classificou Emerson como um atleta de caráter duvidoso e que saiu devendo ao Dragão. A assessoria do time vai procurar os meios de comunicação nacionais, como ESPN e Sportv, para falar sobre o caso.

Veja abaixo a íntegra da nota oficial da Associação Desportiva Confiança sobre o caso Emerson.

A diretoria do Confiança, comissão técnica, torcida e Imprensa estão estupefatos com a atitude do volante Emerson. O técnico proletário, Luiz Carlos Cruz, afirma que o atleta fugiu do hotel, às 4h30 da manhã. O presidente do Dragão, Milton Dantas, não se conforma com a atitude insana do jogador..

 

O técnico do Dragão, Luiz Carlos Cruz, enfatizou que Emerson foi embora sem dar satisfação. “O fato dele ter saído do hotel e viajado sem avisar a ninguém, foi uma falta de conduta profissional e respeito com o Confiança. Inclusive, o próprio Emerson  procurou o Dragão para jogar. Um absurdo o que ele fez”, fustigou Cruz.

 

“A esposa do Emerson está grávida e o médico do clube, Luiz de Pádua, se dispôs a ajudá-la. O Confiança é um clube grande no Nordeste. Tenho conhecimento em nível nacional e, quem pedir informações sobre ele, infelizmente vou ter que explanar, o que ele fez com o Dragão. Faltou consideração com a diretoria, comissão técnica e com os colegas de trabalho. Ele mesmo maculou sua imagem”, voltou a explicar o comandante proletário.

 

O presidente do Confiança, Milton Dantas, ficou furioso com o comportamento de Emerson. “Este Emerson saiu devendo ao Confiança. Ele não pagou a hospedagem e as passagens aéreas. É um jogador de um caráter muito duvidoso. O atleta está colocando em xeque a imagem dele”, desabafou Milton Dantas, enfatizando que, atleta que não honra com a palavra, não interessa ao Confiança.

 

 

   

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais