Jogos da Primavera: Arqui fatura dois ouros no handebol

0
Times masculino e feminino reunidos: dobradinha (Fotos: Igor Matheus/ Portal Infonet)

O Colégio Arquidiocesano foi o grande protagonista das decisões do handebol nos Jogos da Primavera categoria A – para atletas de 12 a 14 anos. A instituição foi a campeã de ambas as categorias masculina e feminina nas decisões realizadas nesta quinta-feira, 1º, no ginásio do Colégio Purificação.

Técnico dos dois times, Eduardo Rocha foi campeão nos dois naipes pela terceira vez em sua na carreira. E de acordo com ele, o segredo é simples. “Treinamento e estratégia”, destacou. Na decisão feminina, o Arqui bateu o Sagrado Coração de Jesus, de Estância, por 15 a 11. Rocha avaliou a campanha feminina. “Tínhamos enfrentado justamente a Sagrado Coração na fase de grupos e perdido por cinco gols. E aí já prevendo a final contra elas, treinamos em cima dessa decisão. O treino deu certo”.

Já no masculino, o Arqui bateu o Michelangelo por 18 a 16 em partida disputada gol a gol. Para Rocha, o time fez por merecer pela disciplina. “Eles obedeceram bem o que tínhamos passado para eles. Tivemos uma reunião antes da partida e comentamos sobre os pontos fracos e fortes do adversário, que já conhecíamos bem. Mas não foi fácil, tanto que foram só dois gols de diferença”.

Arqui contra Michelangelo: disputa gol a gol

Com os dois times classificados para os Jogos da Juventude, o técnico sabe que ainda tem trabalho a fazer. “O time masculino treinou muito bem. Vamos intensificar os treinamentos e acho que podemos fazer um bom papel na terceira divisão. Já o feminino subiu de divisão no ano passado, da terceira para a segunda, e elevamos o nome de Sergipe. O nível será maior, e temos que melhorar muito”.

Pela decisão de 3º e 4º lugar feminino, o Manoel Bomfim de Aracaju bateu o Graccho por 21 a 8. Já pela decisão de 3º e 4º lugar masculina, o Salesiano venceu o Manoel Bomfim por 17 a 6.

Por Igor Matheus

Comentários