Lutadora de SE se prepara para o Mundial de Jiu-jitsu

0
Lutadora do Aracaju Bolsa Atleta se prepara para o Mundial de Jiu-jitsu (Foto: divulgação)

Juliana Andrade está no auge da carreira e quando o assunto é encarar as competições de Jiu-jitsu a responsabilidade de elevar o nome de Aracaju ao pódio faz da menina de apenas 17 anos uma verdadeira guerreira. Apoiada pela Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal da Juventude e Esporte (Sejesp), por meio do Programa Aracaju Bolsa Atleta, a lutadora embarca para o Judô Open Curitiba e o Mundial de Jiu-jitsu, que será em Long Beach, na Califórnia, Estados Unidos, onde ela estreia na categoria adulto profissional.

A carreira no esporte começou aos 11 anos e de 2011 até 2013 a lutadora conquistou o tricampeonato Juvenil do Mundial. Este ano ela está encarando quatro horas de treinamento para representar Aracaju e trazer novas conquistas na bagagem. "Desde que recebi o benefício estou tendo a oportunidade de custear material esportivo e garantindo presença nas provas de todos os níveis. Estou ansiosa para estrear no profissional e junto com a equipe de treinamento trazer novos feitos " ressalta a esportista Juliana Andrade.

O Secretário Carlos Eloy está vibrando com as conquistas de lutadora e registra a importância de políticas de esporte. "A disciplina e o esforço para se tornar uma lutadora profissional demonstram que investir no esporte tem sido nosso objetivo, com o Aracaju Bolsa Atleta. Estamos atendendo as demandas dos aracajuanos e sabemos que nossos esportistas estão fazendo da capital o verdadeiro seleiro de talentos. Juliana está de parabéns e brilhando", concluiu Eloy.

Judô

Outra modalidade que a lutadora vem detonando todas as adversárias é no Judô, modalidade que começou a praticar aos 14 anos. Neste estilo de luta, Juliana coleciona medalhas e em 2015 faturou ouro no Norte e Nordeste (PB), competiu o Brasileiro, no último final de semana (PE) e se prepara para o Open, onde vai defender cada ponto para somar no ranking nacional. "Ano passado fui ouro no Rio Open, com e sem Kimono, e este ano na categoria com judocas até 71 Kg estou empolgada para sair na frente e trazer bons resultados para casa", afirma Juliana.

Fonte: Sejesp

Comentários