Novos recordes marcam fim de temporada da natação sergipana

0
                          Temporada da natação sergipana se encerra com novos recordes (Foto: Portal Infonet)

Finalizando o calendário deste ano na natação sergipana, foi realizada a segunda etapa dos troféus Hiram Menezes e Aida Melo, na tarde deste sábado, 10, no Parque Aquático Zé Peixe. Braçada a braçada, foram quase 80 atletas, de cinco equipes, disputando medalhas e tentando baixar ainda mais seus tempos.

Somando a primeira etapa, que aconteceu na última sexta, foram mais de 60 provas, que registraram novos recordes para os jovens atletas do Estado.

Arhur Farias exibe suas medalhas conquistadas na competição(Foto: Portal Infonet)

Arthur Farias conseguiu reduzir 25 segundos da sua marca do ano passado. Neste torneio, ele conseguiu quatro recordes nas quatro competições individuais que disputou.  “Treinei com muita vontade, dureza, garra. Sempre chego nervoso nas competições, com sangue nos olhos para vencer e nessa prova não foi diferente. Vou treinar mais ainda para bater o recorde desse ano, que já foi muito forte. Quero reduzir essa marca”, frisou.

Manuela Abdias consegue melhor índice técnico (Foto: Portal Infonet)

Outro destaque da natação sergipana é Manuela Abdias. Nadando nos 100 metros estilo livre, conseguiu alcançar um novo índice técnico na competição. “Eu vinha de uma fase em que não conseguia baixar meus tempos, estava aumentando, e isso desmotiva e deixa a gente para baixo. Para mim, conseguir o índice e melhorar meus resultados foi a melhor coisa que aconteceu esse ano, estou muito feliz. Não esperava terminar desse jeito, e já que acabei bem, quero melhorar no próximo ano”, disse esperançosa.

O clube Unit/Agitação foi o grande vencedor do campeonato, levando o troféu de campeão-geral e das categorias mirim/petiz e absoluto.

Antonio Aragão comemora mais uma boa temporada na natação sergipana (Foto: Portal Infonet)

O presidente da Federação Aquática de Sergipe (Fase), Antonio Aragão, destacou o alto nível dos atletas e a crescente na modalidade. “Temos novos valores surgindo, jovens que estão começando a disputar, já somos uma grande realidade no Norte e Nordeste, nossos nadadores são bastante respeitados fora daqui. Isso dá a certeza de que a modalidade continua crescendo e temos a esperança de um 2019 melhor ainda”.

Por Victor Siqueira

Comentários