Palmeiras inicia volta à Libertadores contra o modesto Tacuary

0

O Palmeiras inicia sua volta à Copa Libertadores da América amanhã, enfrentando no Paraguai o modesto Tacuary, estreante na competição e com uma estrutura que em nada lembra os grandes clubes do continente. Palmeiras e Tacuary fazem parte da chave D da primeira fase, e a partida de volta desta eliminatória acontece no próximo dia 9, em São Paulo. O vencedor do confronto integrará o grupo 4, que conta com Santo André, Deportivo Táchira, da Venezuela, e o Cerro Porteño, campeão paraguaio. Após superar o calvário de disputar a Série B do Brasileiro, o Palmeiras volta à maior competição do continente disposto a esquecer o fatídico ano de 2003 com a conquista do título sul-americano. A equipe está entre as mais tradicionais do torneio, e inclusive chegou a conquistar a competição em 1999. O técnico do Palmeiras, Estevam Soares, anunciou que fará mudanças na escalação após a derrota por 1-0 para o São Caetano no fim de semana passado, pelo Campeonato Paulista, e se disse inconformado pela atuação de alguns jogadores. “Era a equipe ideal, mas as coisas não funcionaram. Vamos repensar a escalação. Já tenho outras idéias na cabeça”, assegurou o treinador. Já o técnico do Tacuary, Oscar Paulín, mostra confiança após a pré-temporada que a equipe realizou com vistas à Libertadores e o torneio Apertura local, que começa no dia 13 de fevereiro. “Estou convencido que se fizermos bem as coisas como trabalhamos neste tempo, vamos vencer bem brilho”, afirmou Paulín. O Tacuary, que levou a terceira vaga do Paraguai na competição, contratou alguns reforços para a Libertadores, mas o peso da equipe cairá sobre os ombros do experiente Raúl Román, ex-jogador do Olímpia. Prováveis escalações: Tacuary: Pablo Aurrecochea; Celso González, Denis Russi, Patrocinio Samudio e Edgar Gamarra; Diosnel Burgos, Carlos Mereles, Cristian Riveros e Lorenzo Silva; Raúl Román e Julio Ortellado. Técnico: Oscar Paulín. Palmeiras: Marcos; Adriano Chuva, Gabriel, Nen e Lúcio; Correa, Cristian, Magrão e Diego Souza; Ricardinho e Warley. Técnico: Estevam Soares. Árbitro: René Ortubé, da Bolívia, auxiliado por seus compatriotas Iván Gamboa e Arol Walda. Estádio: Roberto Béttega, do Tacuary Horário: 20:30 local (21.30 de Brasília).  
 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais