Reunião define alvos do Timão no mercado da bola

0

Depois de anunciar a contratação de Carlos Tevez e prometer sete reforços para o Corinthians até o fim de 2004, a MSI fechou apenas com o volante Marcelo Mattos. O diretor de futebol Paulo Angioni e o técnico Tite têm reunião marcada para a tarde desta segunda-feira para definir os próximos alvos alvinegros.
Os nomes mais comentados nos últimos dias foram o lateral argentino Placente, em fim de contrato com o Bayer Levekusen, o meia-atacante Carlos Alberto, do Porto, e Denílson, do Betis. As prioridades são um meia e um lateral-esquerdo, posição mais carente do elenco do Timão.

O presidente da MSI, Kia Joorabchian, no entanto, tratou de desmentir o interesse em Denílson. “É um grande jogador, mas não temos interesse e nunca sentamos para conversar”, afirmou o iraniano em declaração publicada na edição desta segunda do jornal Agora.

Já Carlos Alberto pode ser uma possibilidade. O empresário do ex-jogador do Fluminense, Richard Alda, confirmou o contato ao Lance. “Houve uma sondagem há 15 dias, mas até agora nada oficial. Perguntaram se o Carlos Alberto tinha interesse em jogar no Corinthians. Se for bom para o Porto e para ele, não teria problema algum”, afirmou.

Outro atleta oferecido ao Corinthians foi o argentino Juan Román Riquelme, atualmente emprestado pelo Barcelona ao Villarreal. O responsável pelo contato com os dirigentes alvinegros foi Todé, empresário que diz ter convencido o presidente do clube catalão, Joan Laporta, de que o empréstimo à equipe brasileira é um bom negócio. Ele também trabalha para emplacar Luizão no Parque São Jorge.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais