Sergipanos trazem doze medalhas do Open SP de jiu-jitsu

0
Ivan Lima em primeiro no pódio: bicampeão (foto: Arquivo Pessoal)

Cinco atletas sergipanos de jiu-jitsu conquistaram nada menos que 10 medalhas em competições realizadas em São Paulo na semana passada. Na última edição do São Paulo Open – que reúne disputas com quimono e sem quimono -, Ivan Lima, Alliny Karen, Isaque Oliveira, Victor Nithael e Ruthinha Mattos, todos da equipe Nova União, trouxeram a Sergipe cinco ouros, duas pratas e cinco bronzes.

A faixa-preta Alliny Karen conquistou quatro medalhas: um ouro e bronze com quimono e também um ouro e um bronze sem quimono. Foi a primeira vez que a atleta obteve medalhas no torneio. “Na categoria infelizmente não tive adversárias, e nos dois absolutos venci a primeira luta e perdi a segunda contra meninas com peso muito acima do meu. Mas foi muito bom voltar a lutar o absoluto para adquirir mais experiência e um dia chegar no topo”.

Uma das quatro faixas-pretas femininas do estado, Alliny já tem outros objetivos em vista. “Estou batalhando para lutar a seletiva para Abu Dhabi, em Brasília, que será nos dias 11,12 e 13 de setembro”. Outro atleta a trazer ótimos resultados foi o faixa-preta Ivan Lima, que trouxe um ouro com quimono em sua categoria – consagrando-se bicampeão – e um bronze, também na categoria.

“Saí bicampeão após vencer três lutas, todas por pontos. Treinei bem para chegar a este resultado e vim de várias competições. Agora meu foco se volta para o Open de Manaus, que vou disputar pela primeira vez”, conta Ivan. Só este ano, o lutador já faturou três medalhas de ouro – todas em competições fora do estado.

Já a faixa-roxa Ruthinha Mattos foi bronze com quimono em sua categoria, ouro com quimono também na categoria e prata sem quimono no absoluto. O faixa-azul Isaque Oliveira, por sua vez, foi bronze em sua categoria sem quimono. Também faixa-azul, Victor Nithael conquistou uma medalha de ouro sem quimono e foi prata em sua categoria com quimono.

Por Igor Matheus

Comentários