Sergipe será definido após coletivo

0

O técnico do Sergipe, José Carlos Amaral, já teria o time definido para pegar o Riachuelo se não fossem as contusões do meio-campista Neto e o lateral-esquerdo Sandro Miguel. Os dois atletas reclamam de contratura muscular. Eles serão avaliados pelo departamento médico. Se nada sentirem, participam do coletivo apronto, na tarde de hoje, no Estádio João Hora de Oliveira.

Amaral deve colocar em campo, a seguinte formação: Neto, Arley, Gonçalves, Felipe e Sandro Miguel; Antonio Carlos, Rivelino, Neto (Alisson) e Luciano Pirambu; Seninha e Rubinho.

O meio-campista Neto afirmou que até o jogo contra o Riachuelo estará totalmente recuperado. “Espero que esteja em condições domingo. Quero fazer estréia com o pé direito”, disse ele, ressaltando que tem certeza de que o Sergipe fará uma grande exibição e sairá de campo com os três pontos.

Outro atleta que está bastante animado é Arley. O lateral-direito não vê a hora de vestir a camisa de titular do Sergipe. Ele tem 27 anos. Começou a carreira em 1999 no Santa Cruz de Recife, onde permaneceu até 2000. Depois passou pelo Sport em 2001 e Náutico em 2002. Disputou o Campeonato Paulista pela Matonense e o Paranaense pelo Londrina. O último clube foi o Lagartense, onde jogou por duas temporadas.

Arley disse que fazer um bom trabalho no Sergipe para conquistar títulos e o primeiro desafio é vencer a Copa João Alves. O lateral ressaltou a sua principal característica é apoiar o ataque. Ele sabe que a disputa pela posição será muito grande, pois além dele, existem dois companheiros que vão lutar pela vaga: Araújo e Glauber.

 

 

 

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais