Amorim garante não querer tomar o PSDB de Albano

0

Eduardo Amorim (PSC), é irmão de Edvan Amorim e foi o deputado federal mais votado de Sergipe
O presidente de honra do Partido Social Cristão (PSC), em Sergipe, o empresário Edvan Amorim, garantiu na tarde desta terça-feira, 20, ao Portal Infonet, não querer “tomar o PSDB do deputado federal Albano Franco”. 

De acordo com Amorim, o encontro que ele e o irmão, deputado Eduardo Amorim, tiveram com o governador de São Paulo, José Serra, antes do Natal, foi muito proveitoso, quanto ao apoio do PSC e do Partido da República (PR) à candidatura Serra à Presidência do Brasil. Afirmando ter sido apenas a primeira conversa, Edvan Amorim confirmou que Serra teria ficado surpreso com o número de parlamentares eleitos pelo PSDB Sergipano.

Não tivemos nenhuma conversa no sentido de enfraquecer o PSDB em Sergipe ou mesmo tomar o partido das mãos de Albano.  Nós tivemos apenas a primeira conversa.  Foi só amenidades, mas ainda não passou pelo crivo do PSDB.  Não tivemos nenhuma conversa no sentido de tomar o PSDB de Albano Franco.  Eles queriam apenas conhecer a gente, pois o PSC é um partido pequeno, que conseguiu crescer muito aqui no estado.  O PSC junto com o PR elegeram 15 parlamentares, enquanto o PSDB só conseguiu fazer dois”, destaca Edvan Amorim.

O empresário disse ainda que a conversa com José Serra, na quinta-feira antes do Natal, no Palácio dos Bandeirantes, foi proveitosa.  “Foi realmente uma conversa muito boa e eles ficaram curiosos para conhecer os integrantes de um partido nacionalmente pequeno, que conseguiu eleger o deputado federal mais votado de Sergipe”, enfatiza.

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais