Augusto não consegue CPI da Saúde e vai até o MPE

0

Deputado Augusto Bezerra (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O vice-líder da bancada de oposição na Assembleia Legislativa, deputado estadual Augusto Bezerra (DEM), ocupou a tribuna no final da manhã de hoje (19) para lamentar o fato de não ter conseguido as assinaturas necessárias (oito) para a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde na AL. Na oportunidade, sem polemizar, o democrata disse que se o Legislativo não tem interesse em investigar supostas mazelas, se acha que a Saúde Pública de Sergipe vai bem, ele vai entregar toda a documentação ao Ministério Público no sentido que o órgão fiscalize as denúncias que estão sendo veiculadas.

“Não ia nem falar hoje, mas me senti obrigado diante do ódio do líder do governo, deputado Francisco Gualberto (PT), que se pronunciou aqui antes. Que ódio é esse? Quanta arrogância, quanta prepotência? Ao invés de festejar a reinauguração do Parque dos Cajueiros, ele veio aqui espumando de raiva, destacando uma obra do ex-governador Valadares. Eu tenho respeito e parabenizo o governador pela recuperação do parque”, comentou o democrata.

Augusto Bezerra ainda disse que “sobre as vagas de estacionamento, se ele diz que não são 500 eu garanto que também não são 75. Basta qualquer um aqui ir até aquela boite F1, nas sextas-feiras à noite. Ainda tem uma passarela de madeira que liga o estacionamento e o cliente vai cair dentro da boite. Mas eu soube que o povo está reclamando. São quase 300 metros. Deveria ser uma passarela rolante, igual a Brasília”, ironizou. O democrata lamentou que o líder do governo não tenha demonstrado interesse com o parque, mas com a CPI da Saúde.

“Era mais simples ele vir aqui na tribuna e pedir aos deputados que não aprovem a CPI, que eu não sei quanto custa uma. O povo quer saber o que realmente aconteceu e passou no Jornal Nacional. Quando líder da oposição, Gualberto disse que João Alves (DEM) viajou para a China e trouxe uma fábrica de cavaco chinês. E o governador Marcelo Déda que foi à Índia, trouxe o que? Será que trouxe uma fábrica do terceiro olho? Os governadores de Pernambuco e do Rio Grande do Norte viajaram e já disseram o que trouxeram dos EUA. E Déda?”, questionou. Augusto Bezerra disse ainda que ninguém em Sergipe teve coragem de atacar ou denegrir o médico José Carlos Pinheiro.

“O governador o classificou de ‘mero servidor’ e de não conhecer a Saúde. Ou Déda está mal assessorado ou ele escuta demais os fofoqueiros de plantão. Agora que culpa eu tenho se a militância do PT coloca no Twitter que não se sente confortável em acompanhar Rogério Carvalho pelas ruas da cidade? Se infelizmente a AL não faz o seu papel, não tem problema! Entrego o pedido de investigação com todos os documentos para o Ministério Público”.

“O jeito é pedir que o MP investigue como a Transur e Carioca passaram a atuar dentro do governo de Sergipe, investigue essas mazelas da Saúde. Foi exibido em rede nacional que as parturientes não estão sendo atendidas na rede pública Estadual. Dessa vez o povo não vai se enganar com o pão e circo. Quantas pessoas morrem e não são atendidas? Respeito o governador mas ele exagerou no ataque a mim e, principalmente, ao Dr. José Carlos Pinheiro. Agradeço aos deputados que assinaram o requerimento da CPI. Se infelizmente a AL não fez o seu papel, eu não tenho dúvidas que o MP vai fazer”, completou o democrata.

Fonte: Agência Alese

Comentários