Carroceiros protestam contra Projeto de Lei na Câmara de Vereadores

0
A concentração acontece na Câmara de Vereadores (Foto: Portal Infonet)

Diversos carroceiros, liderados pelo vereador Palhaço Soneca (PPS), organizaram uma manifestação, na manhã desta terça-feira, 4, na porta da Câmara de Vereadores de Aracaju. O intuito é declarar a insatisfação com o projeto de lei que prevê o fim gradativo de circulação de carroças na capital em seis anos. O projeto estabelece que, dentro de seis anos, a atividade de carroça deixe de existir em Aracaju, tanto por conta dos maus-tratos aos animais, quanto pelas condições ruins em que operam os homens. A ideia é que hajam cursos profissionalizantes e de alfabetização, para que os carroceiros possam desempenhar outras atividades.

Dezenas de carroças fecharam a rua Itabaiana. Lá, receberam o apoio de alguns parlamentares que votaram contra a proposta, como Manoel Marcos (PSDB) e Antônio Bittencourt (PCdoB). “Respeitamos quem apresentou o projeto, mas isso está errado, equivocado”, disse o líder do prefeito na Casa.

Carroceiro Diógenes dos Santos

Revoltadas, as pessoas que desempenham a atividade acreditam que se aprovado, o projeto irá prejudicar sua sobrevivência. Foi o que disse o carroceiro Diógenes dos Santos. “Vai deixar os pais de família desempregados. Quem vai dar de comer aos meus filhos? Vão destruir a imagem dos carroceiros, a vereadora tem que se ocupar de outra coisa”.

Kitty Lima (Rede) lamentou que o Palhaço Soneca atue colocando os carroceiros contra ela. “Está sendo feito de uma forma lamentável, inclusive colocando em risco a minha pessoa. Nem o projeto para eles foi lido. Queríamos fazer uma comissão para eles entenderem o projeto e ele impediu. Com o projeto, eles vão sendo alfabetizados, a família estará inserida. A iniciativa privada pode participar. O problema é pessoal, eu sou perseguida há muito tempo, desde que propus um projeto que desconta do salário dos vereadores faltosos, desde que fiz publicações reclamando da falta de quórum”, reclamou.

Tramitação

A proposta tramita na Câmara em segunda votação, etapa em que são apresentadas emendas. A matéria está na pauta desta terça-feira, 4.

Soneca

“Não tenho nada contra a vereadora. A gente tem que sentar, discutir o projeto, porque do jeito que está, os carroceiros não aprovam. A ideia estabelece que façam cursos, mas como um senhor de 55 anos vai entrar no mercado de trabalho?”, respondeu Soneca.

Por Victor Siqueira

Comentários