Comitê da Seca se reúne para definir ações emergenciais

0

Reunião contou ainda com representantes do BNB e da Defesa Civil Nacional

O secretário de Estado da Agricultura José Sobral, reuniu na manhã desta quinta-feira, 17 no auditório do Projeto Nordeste (Pronese), integrantes do Comitê da Seca, da Emdagro, Fetase, Defesa Civil, Deso, Cohidro e prefeitos, com a finalidade de apresentar as ações emergenciais nos municípios mais castigados. Até agora, são 19 municípios que decretaram Estado de Emergência e Feira Nova fez o pedido nos últimos dias.

Segundo secretário José Sobral, a reunião teve o objetivo de mostrar as ações que estão sendo feitas, quais as parcerias que estão formuladas, qual a participação dos municípios, do Estado e da União na conjunção de ações em favor da diminuição dos efeitos da seca.

Secretário da Agricultura, José Sobral

“O Comitê vem se reunindo para aferir quais as medidas emergenciais, quais as medidas estruturantes, a eficiência e o percentual de aproveitamento de cada uma delas. Hoje nós estamos mostrando aos prefeitos as ações que foram empreendidas e quais continuarão acontecendo a partir de agora, com a ampliação de carros pipas, fornecimento de forragens, projetos de distribuição de renda para as 27 mil e 400 famílias assistidas em todos os municípios que já decretaram estado de emergência”, enfatiza anunciando a construção de seis barragens grandes e 50 pequenas.

De acordo com o coordenador estadual da Defesa Civil, tenente-coronel Erivaldo Mendes, as soluções estão sendo trabalhadas. Há mais de 14 meses nós estamos trabalhando no Sertão com ações emergenciais, como Operação Pipa feita pelo Governo do Estado e Governo Federal. Somado a isso nós temos a distribuição de cestas às famílias mais vulneráveis, recuperação de aguadas e poços junto com a Cohidro, Garantia Safra, um programa de transferência de renda”, enfatiza.

Coronel Mendes anuncia que vai dobrar o número de carros-pipas

Coronel Mendes destacou a previsão de dobrar a Operação Pipa. “Nós hoje entramos com 40% e vamos oferecer 100% para trazer um alento à grande necessidade do sertanejo que é a atenção ao animal. Vamos aqui reafirmar os interesses e mais investimentos serão alocados para a recuperação de aguadas e tanques para quando chover, armazenar água. Diversas ações estão sendo realizadas”,  complementa.

Com a autorização do decreto para Feira Nova, serão 20 municípios sergipanos em Estado de Emergência. “Em termos de falta de água, a situação deverá melhorar com a chegada dos carros-pipas após a decretação do Estado de Emergência. Estamos com cinco povoados sem água desde a segunda-feira, 14. A nossa preocupação agora é com o homem do campo, pois a situação pode afetar as necessidades básicas”, teme o prefeito Ricardo Souza (PSD) que aguarda a  liberação de cestas básicas e da Bolsa-Safra.

Prefeito de Macambira, Ricardo Souza

Prefeito de Feira Nova, Jonatas Oliveira

O prefeito de Feira Nova, Jonatas Oliveira Santos (PRB) já entregou a documentação à Defesa Civil, reivindicando o Estado de Emergência para o município. “Não tivemos outro jeito e agora estamos aguardando a resposta da Defesa Civil. A situação de Feira Nova está crítica, estamos comprando água de carros-pipas com recursos da prefeitura”, lamenta o prefeito Jonas como é conhecido.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais