Contratos fraudulentos com instituto podem ter desviado R$ 50 milhões

0

A Operação da Polícia Federal intitulada ‘Acesso Negado – Game Over’, investiga o desvio de aproximadamente R$ 50 milhões em supostos contratos falsos de municípios com o Instituto Sócio Educacional Solidariedade (ISES). Pelo menos dez municípios sergipanos estão no centro das investigações, incluindo Canindé de São Francisco, com investigação mais adiantada e desvio de aproximadamente R$ 1,3 milhão. Gestores públicos, secretários municipais, representantes do Instituto e pessoas contratadas são investigadas e devem ser indiciadas nos próximos dias.

Confira a reportagem completa no vídeo:

Comentários