Covid-19: senador diz que pretende destinar 16,3 milhões para a saúde

0
Alessandro Vieira pretende destinar recursos (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

A Secretaria de Governo confirmou que estarão disponíveis até o final de março R$ 8 bilhões de reais referentes a emendas parlamentares individuais e de bancada, que poderão ser remanejadas para as ações de saúde de combate à Covid-19.

De acordo com o senador Alessandro Vieira, se todos os parlamentares sergipanos destinarem valor à saúde, o montante poderá chegar a R$ 200 milhões. “No meu caso individual, estamos falando de R$ 16,3 milhões reais. Se toda a bancada aderir, o valor será superior a 200 milhões. Dinheiro que poderá estar no caixa estadual/municipal rapidamente. Isto, somado aos decretos de calamidade, garante instrumentos eficientes para a atuação estatal”.

O senador conta que está em contato com o Secretário Nacional de Vigilância para ter uma noção das entregas que o MS vai fazer para Sergipe, buscando evitar desperdício e retrabalho. Ele conta ainda que não teve acesso, até o momento, ao planejamento do estado e do município de Aracaju, embora tenha mantido contato com os respectivos gestores. “Não é hora de crítica ou disputa política, é hora de união e muito trabalho. A priori, vou tentar exigir compromisso dos executivos estadual e municipais para focalizar bem e dar transparência aos gastos”, diz o senador.

O senador informa quais as prioridades para destinação dos recursos:

1. Proteger as equipes de atendimento na saúde, segurança e limpeza;
2. Garantir alimento e produtos básicos para os mais carentes;
3. Testar o maior número possível de pessoas no âmbito estadual;
4. Equipar as unidades de atendimento de saúde;
5. Executar as medidas de transferência de renda para os mais carentes e proteção da economia.
Os recursos referidos são suficientes para o enfrentamento inicial, bastando união e espírito público.

Fonte: assessoria do senador 

Comentários