Deputado cobra da PMA entrega de casas na Jetimana

0

Deputado Augusto Bezerra (Foto: Divulgação Alese)

O vice-líder da bancada de oposição na Assembleia Legislativa, deputado estadual Augusto Bezerra (DEM), usou a tribuna no pequeno expediente da sessão desta segunda-feira, dia 6, para cobrar da Prefeitura de Aracaju que faça a entrega das casas a 30 famílias do bairro Jetimana. O parlamentar disse que aproveitava a oportunidade para ser a voz das pessoas dessa localidade que estavam presentes na galeria do Parlamento, cobrando seu direito.

De acordo com Augusto Bezerra, são 30 famílias que não receberam suas casas e ainda hoje, mesmo com determinação judicial datada de 12 de março de 2012, estão sem receber o auxílio moradia. O deputado disse que, enquanto isso, 61 pessoas que não precisavam de casas, porque já tinham casas próprias e as alugaram para a Prefeitura de Aracaju, foram beneficiadas.

“Eles estão aqui, com uma faixa contra o ex-prefeito Edvaldo Nogueira, que deu um nó muito grande, que usou o setor de habitação da Prefeitura para fazer política, trocando casa por voto, foram dadas casas a líderes comunitários irresponsáveis, como Russo que mora na Terra Dura e já deveria estar preso há muito tempo, porque recebeu mais de 200 casas e vendeu e algumas delas por duas ou três vezes. Enquanto essas pessoas aqui estão sem casa, mesmo com a decisão judicial em mãos”, denunciou Augusto Bezerra.

O parlamentar disse que para ser correto ele teria que começar também falando de seu governo. Ele disse que o atual prefeito de Aracaju, João Alves Filho, no primeiro dia que assumiu a administração municipal não deveria ter recebido o que chamou de “bolo que Edvaldo passou para ele do [bairro] 17 de Março”. “Ali era para fazer uma triagem de casa em casa, porque hoje continua pessoas morando no 17 de Março sem merecer, comerciantes, pessoas que compraram casas vizinhas para fazer armazéns”.

Augusto Bezerra afirmou que vai levar a reivindicação dos moradores a Brasília, para os deputados federais, e vai conversar com a secretária municipal Selma Mesquita, para que seja vista a situação de todas essas famílias. “Estamos aqui para dar razão a quem tem e os senhores têm uma ordem judicial para ser cumprida, e essa ordem não está sendo cumprida, inclusive pelo meu governo municipal e isso aí eu vou levar diretamente ao prefeito João Alves Filho”, garantiu o parlamentar democrata.

Fonte: Agência Alese

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais