Discursos na Assembléia voltados para campanha de 2010

0

Deputado Francisco Gualberto/Foto: Arquivo Infonet
Quem acompanha as sessões da Assembléia Legislativa já percebeu que todos os discursos da oposição e situação têm como pano de fundo o processo eleitoral de 2010. Nesse contexto, o líder do governo, Francisco Gualberto, tirou a semana para cutucar os críticos do Programa de Aceleração do crescimento (PAC).

 

“Se dependesse do DEM não existira PAC no Brasil. Eles são inimigos das obras que beneficiam a população e desejam continuar na política de antigamente, de quanto mais miséria, melhor. Por isso, quando estou aqui na Assembléia procuro evitar que a metralhadora do desespero que está nas mãos do DEM nos atinja com uma bala da incoerência. No discurso deles é PAC prá lá, PIC prá cá, ong… Eles não têm mais o que inventar”, provocou Gualberto.

                                          

Aliás, foi uma dessas provocações de Gualberto que a Assembléia perdeu tempo esta semana, discutindo os dons canoros de Sua Excelência, o dr. Deda.

 

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais