Duplicação da BR-101 preocupa deputados

0

Venâncio Fonseca (Foto: Agência Alese)
O deputado Venâncio Fonseca (PP) se pronunciou na manhã desta terça-feira, 29 na Assembléia Legislativa sobre a preocupação quanto aos prejuízos, principalmente econômicos para os municípios de Umbaúba, Cristinápolis e Estância caso as obras de duplicação da BR-101 realizadas pelo Governo do Estado em parceria com o Governo Federal não passem por dentro das cidades. Semana passada, o deputado Gilson Andrade (PTC) também demonstrou preocupação.

De acordo com Venâncio Fonseca, os prefeitos estão preocupados e todos da região, inclusive ele e Gilson Andrade, sabem do potencial da economia de cada município no que se refere à área comercial e a importância para a parte financeira das cidades. “Todos são testemunhas do que aconteceu com o município de Propriá, com a estrada passando por fora da cidade. Houve uma enorme decadência do comércio, da economia e da geração de emprego e renda”, relembra.

O deputado disse ainda que os deputados que são da região Centro-Sul não podem concordar com o projeto do Governo do Estado, da maneira como foi elaborado. “Marcelo Déda não pode ser o responsável pela liquidação dos municípios de Estância, Cristinápolis e Umbaúba. Ele não poderá deixar registrado na sua história como o governante que praticamente liquidou três municípios fortes da região Centro-Sul”,  ressalta acrescentando ser preciso que o governador receba os prefeitos da região para discutir o projeto de duplicação da BR-101.

“O próprio prefeito de Umbaúba, Anderson Farias, aliado político do governador, não consegue ser recebido”, lamenta.

Por Aldaci de Souza

Comentários