Edvan Amorim obtém apenas 156 votos no pleito de domingo

0
Edvan Amorim também pôde utilizar tempo da Propaganda Eleitoral Gratuita (Fotos: Arquivo Portal Infonet)

O candidato a deputado estadual pelo PR, José Edivan do Amorim, irmão candidato ao Governo de Sergipe, Eduardo Amorim (PSC), obteve apenas 156 votos. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SE), descartou a hipótese de ele estar sub judice e de erro na divulgação, como circulou nas redes sociais.

“O número que está aparecendo ao lado do nome do candidato Edvan Amorim, é o oficial e se a candidatura estivesse sub judice, estava aparecendo o número ‘0’. Isso de que houve um erro do TRE e que o candidato teria tido 156 votos em apenas uma urna, é folclore. Pode ser que ele tenha tido somente essa votação pelo fato de não ter feito campanha, tendo se dedicado à campanha do irmão”, esclarece o secretário de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional Eleitoral, José Carvalho Peixoto.

O Portal Infonet tentou ouvir Edvan Amorim por telefone, mas não obteve êxito, tendo buscado a assessoria que explicou, que o objetivo de Edvan ao registrar a candidatura, não foi de disputar o pleito, mas de ter o registro homologado no TRE/SE, o que o coloca na condição de “ficha limpa”.

José Peixoto: "O número que aparece na relação do TRE é oficial. Isso de erro é folclore"

“O registro de Edvan no TRE não foi para colocar uma campanha nas ruas, mas para mostrar à sociedade que ele é ficha limpa; o objetivo maior foi mostrar que não é ficha suja e a prova disso foi a homologação do seu nome pelo Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe. E ainda, com o registro deferido, Edvan [que já sabia que seria atacado no programa eleitoral], pôde se defender no programa de Eduardo, no rádio e na tv. Se ele não tivesse com a candidatura homologada pelo TRE, não tinha como entrar nos horários destinados à propaganda política, como assim fez”, esclarece a assessoria.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais