Fafen:sindicalistas solicitarão a Temer o não fechamento

0

Os representantes se reuniram em Brasília na última terça (Foto: Reprodução/Facebook)

O diretor do Sindipetro explica que trabalhadores de base pretendem realizar paralização (Foto: Portal Infonet)

Sindicalistas, representantes de associações de produtores agrários e senadores participaram na terça-feira, 10, de uma audiência pública realizada na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado, em Brasília. No encontro foi definido que o presidente Michel Temer será convocado para discutir junto aos representantes questões relacionadas ao fechamento Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen) nos estados da Bahia e Sergipe.

Segundo o diretor do Sindicato Unificado dos Trabalhadores Petroleiros, Petroquímicos, Químicos e Plásticos nos Estados de Sergipe e Alagoas (Sindipetro), Edivaldo Leandro, o ministro de Minas e Energia também será convocado. “O Ministro de Minas e Energia vai ser convocado ao Senado para dar explicações que não foram dadas no dia da audiência pública, nem justificadas, e Michel Temer será convocado para uma reunião com senadores, sindicatos, movimentos sociais e segmentos empresariais. Nós vamos exigir que o presidente Temer retire o fechamento da Fafen e de qualquer ativo da Petrobrás da pauta do governo federal”, afirma.

Ainda de acordo com o diretor, os trabalhadores de base da Petrobrás estão se mobilizando para realizar uma greve nacional. “Eles estão propondo uma greve, os trabalhadores da base estão dizendo que já é hora de uma greve nacional de petroleiros contra a privatização da Petrobrás e contra todo este desmonte, porque eles já veem que essa não é só uma questão do trabalhador que vai perder o emprego, essa questão afeta toda a população brasileira”, declara. Segundo Edivaldo, a pauta da paralisação será discutida nas próximas semanas entre as organizações.

Audiência na Bahia

Na última segunda-feira, 9, sindicalistas baianos e sergipanos e um grupo de parlamentares baianos participaram, em Salvador, de audiência pública realizada pela Assembleia Legislativa do Estado da Bahia para discutir a questão do fechamento da fábrica de fertilizantes.

por Yago de Andrade

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais