Familias do 17 de Março recebem a visita de vereadores

0

Os moradores foram ouvidos pelos vereadores  (Fotos: Portal Infonet)

Uma comitiva formada por vereadores de Aracaju compareceu ao bairro 17 de Março e ao Coqueiral para verificar as condições de moradia a qual vive as famílias dessa comunidade. A primeira visita foi ao 17 de Março e os vereadores conversaram com algumas famílias, visitaram alguns barracos e puderam constatar a situação dos moradores que foram retiradas das moradias do 17 de março e tiveram que montar os barracos em uma praça do bairro.

Para o líder comunitário Daniel de Jesus Santos essa é uma oportunidade para que a comunidade seja ouvida. “Os vereadores vieram conhecer a comunidade, caminharam pelos barracos e perceberam que a situação é mais difícil do que imaginam. Que eles cobrem dos órgãos competentes”, conta.

Na oportunidade, os parlamentares se comprometeram a solicitar uma audiência com o prefeito de Aracaju, João Alves Filho na tentativa de rever a situação desses moradores. “A importância de estarmos aqui hoje é porque viemos conhecer de perto como vivem essa comunidade. É preciso ações emergenciais e o prefeito está se debruçando nessa questão. A partir desse diagnóstico feito, iremos levar o nosso olhar para tentarmos uma audiência com o prefeito e colaborar de alguma forma com essas famílias do 17 de Março”, diz o vereador Roberto Morais (PR).

Daniel de Jesus diz que a situação é difícil

Durante a visita, os moradores fizeram algumas reivindicações. “A gente está confiante e na pauta de discussão foi colocado a necessidade dos moradores pela implantação de um ponto de água e de agente de saúde para atender as crianças. Só lamentamos a não vinda dos demais vereadores, mas agradecemos os que vieram aqui ouvir a comunidade”, pede o morador Robério Nascimento.

A vereadora Lucimara Passos (PCdoB) também esteve presente durante a visita e destacou a necessidade de que a população seja atendida. “Eu já estive aqui algumas vezes e venho acompanhando essa situação de perto.  Venho dizendo que aqui existe um problema social. Ninguém se submete a uma situação dessa se não estiver precisando. Minha expectativa é que o prefeito passe a olhar com um olhar diferenciado e apontando pelo menos as soluções mais emergenciais. Eu estou muito animada e acredito que a partir de agora os problemas aqui comecem a ser resolvidos”, acredita a vereadora.

Vereadores durante a visita ao 17 de Março

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais