Governador discute plano de investimentos

0

Eugênio Dezen (Petrobras) e Marcelo Déda, durante a reunião/Foto:Márcio Dantas
Um plano de investimentos será mantido envolvendo ações em parceria com o Governo do Estado para promover benefícios sociais e de infra-estrutura, além de capacitação em diversos municípios sergipanos. Essa iniciativa foi discutida nesta quinta-feira, 26, durante uma reunião entre a diretoria da Petrobras e o governador Marcelo Déda no Palácio dos Despachos.

Segundo o governador, um dos aspectos mais importantes destacados na reunião é que, apesar do quadro de instabilidade econômica, a Petrobras assegurou que irá manter todos os investimentos previstos para Sergipe até 2013, totalizando recursos da ordem de R$ 3,5 bilhões em investimentos de exploração e produção de petróleo nos municípios sergipanos. “Ouvimos do gerente–Geral, Eugênio Dezen, detalhes do plano de investimentos, e ficamos felizes em saber que a empresa manterá na íntegra o que fora planejado, sem o corte de nenhum dos empreendimentos previstos para Sergipe”, relatou o governador.

Licenças Ambientais

O gerente-Geral da empresa, Eugênio Dezen, informou que alguns dos projetos previstos sofreram atrasos devido a problemas na obtenção dos licenciamentos ambientais. Ainda segundo o governador, este problema será atenuado a partir da abertura de um escritório do Ibama em Sergipe, especializado no licenciamento de obras e investimentos na área de petróleo e gás. “Esta foi uma reivindicação que nós fizemos ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva e que foi deferida”, destacou Déda.

Ele explicou que esse escritório atenderá às solicitações das referidas licenças ambientais para ações da Petrobras em todo o norte e nordeste do país. “Isso irá descentralizar o processo e agilizar a concessão de licenças que estão hoje completamente concentradas no Rio de Janeiro”, salientou Déda.

Ampliação e parcerias


Também na reunião foram apresentadas as perspectivas de ampliação da produção com a adoção de novas tecnologias, proporcionando tanto o aumento dos royalties quanto dos tributos relativos para o Estado e municípios. “Além disso, também discutimos parcerias com a Petrobras, onde o Governo do Estado apresentou algumas propostas, sobretudo na área de estradas nas regiões onde a Petrobras mantém exploração em terra. E também avançamos na discussão para a instalação de uma escola técnica no município de Carmópolis para a formação de técnicos na área de petróleo”, informou o governador.

A partir da iniciativa, a proposta é de que fossem formados técnicos de nível médio em áreas como Instrumentação, Química, Edificação, dentre outras. “A idéia é permitir que a juventude de todo o Vale do Cotinguiba possa ter a oportunidade de obter qualificação em cursos técnicos através de uma escola profissionalizante estadual, tendo a possibilidade de serem incorporados pela empresa ou por suas contratadas”, frisou o governador.

Fonte: ASN

Comentários