Governador pede agilidade para termo de cessão

0
Donos de bares com o governador: otimismo (Fotos: Cássia Santana/Portal Infonet)

Em reunião com os donos de bares, o governador Jackson Barreto (PMDB), trouxe grande esperança aos comerciantes que estão ameaçados de ver demolidos os empreendimentos instalados na Orlina da Coroa do Meio e na extensão da rodovia prefeito Ignácio Barbosa, a antiga rodovia José Sarney, em Aracaju.

Durante a reunião, o governador conversou, ao telefone, diretamente com a secretária do Patrimônio da União, Cassandra Maroni, e pediu para que a SPU agilizasse a concessão do termo de cessão que dará maior segurança jurídica àqueles comerciantes. Depois de conversar com a secretária do Patrimônio da União, Jackson Barreto relatou aos comerciantes [que assistiram toda a conversa] a reação da representante do Governo Federal quanto à angústia daqueles empreendedores.

Jackson revelou aos comerciantes que a secretária demonstrou interesse em proteger aquela categoria, reconhecendo a responsabilidade de todos eles pela geração de emprego e renda e fomento do turismo em Aracaju.

Jackson Barreto ao telefone com a secretária da SPU em Brasília

Os donos de bares saíram otimista da reunião. “Foi uma reunião ótima”, ressaltou o presidente da Associação dos Bares e Restaurantes da Orlinha da Coroa do Meio, Paulo Queiroz, após o encontro. “Agora está bem melhor. O governador colocou todo o secretariado a nossa disposição e ainda conversou, na nossa presença, com a secretária de Brasília”, ressaltou.

Cessão

Na avaliação do secretário de comunicação, Sales Neto, o temo de cessão trará realmente maior tranquilidade aos comerciantes, que respondem à ação judicial movida pelo Ministério Público Federal (MPF). Nesta ação, o MPF pede a demolição de todos os empreendimentos erguidos há vários anos naquelas localidades.

Sales Neto informou que a secretária Cassandra Maroni foi bastante receptiva ao apelo do governador pela agilidade na concessão do termo de cessão, garantindo que ela pessoalmente fará interferência no setor responsável para que haja agilidade em todo o processo para evitar as demolições.

Por Cássia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais