Gustinho faz discurso inflamado contra Augusto Bezerra

0

Gustinho Ribeiro desabafa na tribuna (Fotos: Arquivo Portal Infonet)

Quase toda a sessão da Assembleia Legislativa de Sergipe foi voltada para a polêmica entrevista concedida pelo deputado Gustinho Ribeiro (PSD) ao Universo Político em que o parlamentar afirmou que ‘todos conhecem a história do deputado Augusto Bezerra (DEM) e que é estranho e bizarro Augusto ir à tribuna cobrar honestidade, ética de alguém’. Em resposta, Bezerra alfinetou: “Todos os deputados comentam que ele procura prefeitos para vender influência, mas o Tribunal de Contas não se dobra a estas coisas".

Em um discurso inflamado, Gustinho Ribeiro disse ter sido agredido por Augusto Bezerra. “Alguns boatos sobre a minha conduta, foram levantados por um colega deputado e eu não posso e não vou aceitar qualquer tipo de acusação inverídica, leviana que tente desmoralizar não o deputado Gustinho Ribeiro, mas esta Casa e a Corte de Contas. Fui acusado de um crime grave, que eu tenho certeza absoluta,  nenhum de nós seriamos  capazes de cometê-lo, por  que todos nós  temos compromisso com uma coisa que eu considero sagrada, que é a nossa consciência", ressalta. 

O parlamentar disse que todas as acusações a ele atribuídas, não passam de palhaçada daqueles que utilizam da imunidade do mandato parlamentar, para denegrir  as pessoas e as instituições do estado de Sergipe. "Hoje eu sou  a vitima, mas amanhã o escolhido pode ser um de vocês nobres colegas. E por esse motivo faço esse discurso, com toda a minha veemência, por que é preciso dar  um basta a este tipo de política em nosso estado. O que o meu colega deputado anda dizendo é mentira, mentira, três vezes mentira. Ele é um boateiro e eu não vou admitir essa ‘patuscada’ (sic). As medidas estão sendo tomadas por minha assessoria jurídica”, alerta.

Ele encerrou o discurso desafiando Augusto Bezerra a levar o caso a justiça, para que "o boato" seja investigado , sugerindo também que a Alese faça uma investigação e se algum dos seus membros forem condenados, renunciem ao  seu mandato. "Quero finalizar este assunto, pois as medidas estão sendo tomadas através da minha assessoria  jurídica. Quem cuidará dos agressores, dos algozes é  a justiça. E o meu desafio está de pé, para que a gente possa mostrar a sociedade quem  é quem e quem merece continuar na vida pública", entende.

Inexperiente

Venâncio chamou Gustinho de inexperiente

O deputado Venâncio Fonseca (PP) garantiu que Gustinho foi quem provocou Augusto Bezerra na imprensa. “Você é um deputado jovem e já demonstrou ser muito inexperiente. Veio aqui dar uma de vítima, de santo. Não pense que com seu poderio e porque tem pai conselheiro do Tribunal de Contas [referiu-se a Luis Augusto Ribeiro] que vamos ter medo do embate político. Vamos para o projeto político e não pessoal. Vossa Excelência pegou um problema de Rogério Carvalho relacionado à saúde, que Augusto Bezerra combate há muito tempo e jogou no colo do seu pai, sem necessidade, por pura inexperiência”, entende.

Augusto Bezerra: "Não respondo a processo criminal"

E o deputado Augusto Bezerra disse: “Gustinho me chamou de boateiro, mas eu nunca frquentei uma boate e todo mundo conhece mesmo a minha história. Eu não respondo a nenhum processo criminal e não devo satisfação ao deputado Gustinho que em uma posição desesperada disse que tem um pai, um protetor no TCE. E ainda queria um lugar na Mesa Diretora da Assembleia, mas só se fosse acima da deputada Goretti Reis”, enfatiza.

Por Aldaci de Souza

Comentários