João Alves assume dívida de R$ 6 milhões com servidores

0
Reunião com o sindicato (Fotos: Sérgio Silva)

O prefeito João Alves Filho, assinou um acordo para pagamento de uma dívida de R$ 6 milhões, pelo não pagamento de avanços horizontais nos salários dos servidores. O acordo foi assinado hoje, 21, com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Aracaju (SEPUMA), visando o pagamento dos valores divididos em três parcelas, priorizando o diálogo e valorizando mais uma vez o funcionário municipal.

A primeira parcela da diferença salarial será paga no dia 10 de novembro, a segunda três de março e a última em julho de 2014. Para o prefeito João Alves Filho a valorização do servidor é algo imprescindível. "Desde o início da minha gestão, venho tendo excelente relacionamento com os servidores públicos e a determinação é, que na medida do possível, sejam atendidas as reivindicações. Foi assim quando retomamos o diálogo com a criação da Comissão Permanente de Negociação, o pagamento do Piso Salarial dos Professores na integralidade. E, não seria com essa pendência de décadas dos servidores, que não chegaríamos a um acordo", garantiu João Alves.

A secretária do Governo, Marlene Calumby, disse que o prefeito está resgatando o bom entendimento com o servidor municipal, mostrando o respeito que o dirigente máximo do município tem com os funcionários. "Esta ação, que está sendo acordada, é de décadas atrás oriunda de outros gestores que aqui passaram e que somente no governo de João Alves, mostrando o seu grau de compromisso e de responsabilidade, houve o acordo com o SEPUMA. Sinto-me feliz por estar nessa gestão e ter chegado ao bom entendimento", destacou.

De acordo com o secretário Municipal da Fazenda, Nilson Lima, assim que tomou conhecimento sobre a dívida, o prefeito não mediu esforços para que houvesse o acordo e os servidores não mais fossem prejudicados. "O município tomou conhecimento do possível bloqueio de suas contas por não pagamento da dívida com os servidores. E, mesmo com a situação financeira delicada, a partir do momento que tomamos conhecimento da realidade, buscamos negociar com os servidores a forma mais segura de pagamento. Iniciamos o diálogo há cerca de 40 dias e hoje pudemos concretizar esse acordo", informou o secretário enfatizando que João Alves solicitou que o sindicato fosse procurado e que houvesse a negociação da forma mais adequada, levando em consideração a capacidade de pagamento do município.

O presidente do SEPUMA, Nivaldo Fernandes, elogiou a postura do prefeito João Alves em negociar um acordo com os servidores. "Estamos felizes porque no primeiro ano do governo de João Alves, encontramos um divisor comum e que só tem atendido os anseios dos servidores e da municipalidade", agradeceu Nivaldo que ainda destacou o esforço conjunto do secretariado para sanar a dívida.

"Temos nesse processo mais de três mil servidores que serão beneficiados, onde foi retirado do seu salário o aumento de 5% quando passavam de uma letra pra outra. Os servidores deixaram de receber esses avanços horizontais. O caminho para resolver todas as questões sempre é o diálogo. Não posso deixar de reconhecer a participação e o empenho da secretária Marlene Calumby, dos secretários Edgar Silveira, Nilson Lima e do Procurador Carlos Pinna Júnior, que foi de fundamental importância para que pudéssemos chegar a esse dia, com um acordo que atende a ambas as partes".

Fonte: AAN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais