Maioria dos vínculos acumulados no Estado é de médicos e professores

0
Secretaria de Estado de Administração (foto: Portal Infonet)

Médicos e professores são os servidores públicos que mais possuem acúmulos de vínculos no Estado. A Secretaria de Administração (SEAD) continua chamando os 470 funcionários que apresentaram ao menos três vínculos empregatícios na auditoria do TCE para reavaliar contratos e carga horária. Após essa triagem, o secretário George Trindade pretende divulgar uma nova lista de servidores informando as mudanças dos vínculos e a economia do Estado.

A assessoria de comunicação da SEAD informa que, para este serviço, foi instituída uma comissão que está convocando os servidores e avaliando toda a documentação individualmente. A Secretaria deixa claro que o servidor pode ter mais de um vínculo no Estado, contanto que sua carga horária seja possível e atenda a seu contrato.

Entenda

A auditoria na folha de pagamento de salários dos servidores da administração direta do Governo do Estado de Sergipe foi solicitada pelo próprio governador Belivaldo Chagas e aprovada por unanimidade no pleno do TCE.

O governador justificou que a medida é necessária para identificar possíveis irregularidades e evitar que o Estado arque com ônus desnecessários, a exemplo de concessão de benefícios por invalidez a servidores públicos, que, embora afastados da atividade pública, podem estar trabalhando regularmente na iniciativa privada.

Os técnicos do TCE iniciaram o trabalho e identificaram 470 servidores com, pelo menos, três vínculos junto à administração estadual e em prefeituras sergipanas. Após o primeiro levantamento, no último mês de abril, foi feita uma nova trilha de pesquisa no sistema de auditoria da Corte, o que reduziu esse número para 246.

Toda a lista foi encaminhada para a SEAD, que está avaliando cada caso.

por Raquel Almeida

Comentários