Ministra anuncia benefícios para pessoas com deficiência

0

Ministra diz que Sergipe está acima da média nacional (Fotos: Portal Infonet)

“A pessoa com deficiência é uma pessoa como todas as outras, agora, ela demanda respeito e atenção específicas que a presidenta Dilma e o Governo de Sergipe querem dar”. A afirmação foi feita pela ministra de Estado, Chefe da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, durante assinatura para a liberação de recursos do Governo Federal para Sergipe [montante ainda será definido]

Em solenidade no auditório do Ministério Público Estadual (MPE) na manhã desta sexta-feira, 30, Maria do Rosário informou que as pessoas com deficiência no Brasil no último Censo, o de 2010, chegam a uma presença de 45 milhões de brasileiros, equivalente a cerca de 24% da população.

Ela recebe abraço do Milton Coelho, que ficou cego em prisão na ditadura

“Sergipe está acima da média nacional se nós compararmos com os demais Estados, mas essas políticas públicas e integradas visam a inclusão e a autonomia das pessoas com deficiência. Durante muito tempo elas ficaram somente sob a atenção das suas famílias e hoje nós temos normas legais que asseguram a presença no mercado de trabalho e para isso nós temos que ter educação”, ressalta.

Recursos

A ministra destacou que a presidente Dilma Roussef determinou recursos na ordem de R$ 7,5 bilhões até 2014 para que as políticas públicas sejam adaptadas. “Serão espaços físicos adaptados, com oficinas de órteses e próteses, inclusive aqui em Sergipe nós estamos instalando melhores condições de oficina de órtese e prótese e uma série de outras ações, desde a triagem neo-natal”, diz.

Jackson Barreto comemora

Maria do Rosário enfatizou que atualmente nas maternidades, com uma determinação da presidente e do Ministério da Saúde, existe uma testagem mais ampla do teste do pezinho.

“Temos a capacidade de identificar em todo o Brasil quando nasce uma criança que poderá desencadear na sua vida algum tempo de deficiência, para atendermos precocemente, revertermos essa possibilidade ou atendermos a necessidade da família”, afirma.

Entre as novidades para Sergipe, a ministra citou uma série de ações que serão desenvolvidas. “Serão ações que nós desenvolveremos junto com a Secretaria de Direitos Humanos de Sergipe e todos da área social. A partir de segunda-feira, nós estamos participando da 3ª Conferência de Pessoas com Deficiência e a melhor forma de entrarmos no ritmo da conferência é entrarmos em Sergipe com anúncios, mas também com essa forma de participação que Sergipe desenvolve no seu Governo Estadual”, entende.

Investimentos

Grupo de dança Loucurarte de Nossa Senhora da Glória

Momento da inauguração da rampa móvel

Evento lotou o auditorio do MPE

 

Apesar de os valores para o Estado de Sergipe ainda não terem sido definidos, o governador em exercício, Jackson Barreto (PMDB) comemorou.

“É um compromisso social com os deficientes. O Estado de Sergipe receberá uma academia com móveis adaptados para deficientes. Além das características de dar condições melhores aos deficientes ainda tem a particularidade de fazer uma escola de instrução para cães para aqueles que tem deficiência visual. O nosso Estado ganha uma academia, o Governo demarca o campo de seu compromisso social. Acho um programa de cunho social perfeito, a cara do Governo Dilma. Um fato novo, de uma importância fundamental, tornando as pessoas mais felizes e com mais vontade de viver”, diz.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais